Publicidade
Publicidade - Super banner
Tênis
enhanced by Google
 

Zebra faz nova vítima, e Bellucci é eliminado do ATP de Auckland

Jogando abaixo de seu potencial, brasileiro não foi páreo para colombiano Santiago Giraldo: 2 a 0 em uma hora e 18 minutos

Pedro Taveira, iG São Paulo |

Getty Images
Bellucci foi a segunda vítima da zebra colombiana na Nova Zelândia
Thomaz Bellucci está fora do ATP 250 de Auckland, na Nova Zelândia. Na madrugada desta quinta-feira, o tenista não foi páreo para o colombiano Santiago Giraldo e perdeu por 2 sets a 0, parciais de 6/2 e 6/4, nas quartas de final do torneio. Agora, o algoz do brasileiro, que precisou de apenas uma hora e 18 minutos para vencer, irá encarar o espanhol David Ferrer em busca de uma vaga na decisão.

Ao contrário do que fez em suas outras partidas, Bellucci esteve muito abaixo de sua melhor forma. O brasileiro, 31º colocado no ranking da ATP, foi pior que Giraldo, 64º, em todos os fundamentos. Ele registrou apenas três aces, conseguiu quebrar o serviço do colombiano em somente uma oportunidade e, sacando, conquistou apenas 56% dos pontos. O colombiano, por sua vez, anotou cinco aces, quatro quebras e aproveitamento de 66%.

"Saí jogando muito atrás, dando espaço para o Giraldo. No segundo set consegui jogar como o planejado, mas preparava os pontos e faltava aquela última bola para concluir" justificou-se Bellucci depois do duelo. "Tive minhas chances de comandar o jogo, mas não aproveitei".

Apesar da eliminação, Bellucci deixa a competição com sua melhor campanha após três participações. Esta foi a primeira vez que ele chegou entre os oito finalistas em Auckland. Na temporada de quadras rápidas da Oceania, ele havia conseguido o mesmo feito no ano passado em Brisbane, na Austrália. Na ocasião, caiu diante do tcheco Tomaz Berdych.

"Foi uma boa semana e com mais jogos vou passar a errar menos essas bolas importantes", disse o atleta. "Vou crescer em quadra, entendi como tenho que jogar. Estou bem para a Austrália".

A vitória sobre o brasileiro foi a segunda surpresa proporcionada por Giraldo no ATP neo-zelandês. Nas oitavas de final, ele já havia chamado atenção para si ao bater o espanhol Albert Montanhez, número 25 do mundo. Na semifinal, porém, o desafio será ainda maior. Ferrer, que avançou ao derrotar o alemão Phillip Kohlschreiber por 2 sets a 1, parciais de 6/3, 6/7 (4-7) e 6/3, é o sétimo colocado do ranking e cabeça de chave número 1 em Auckland.

Na luta pela outra vaga na final, o espanhol Nicolas Almagro, segundo favorito no torneio e 14º do mundo, encara o argentino David Nalbandián, sexto cabeça de chave e número 27 da ATP.

Leia tudo sobre: atpbelluccigiraldoaucklandeliminação

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG