Publicidade
Publicidade - Super banner
Tênis
enhanced by Google
 

Zebra brasileira é finalista em São Paulo

Jovem Rafael Camilo venceu o espanhol Adrian Menendez e se consolidou como grande surpresa da competição

Gazeta |

Grande sensação da semana, o paulista Rafael Camilo, de 20 anos, conseguiu mais um resultado surpreendente no Challenger de São Paulo e avançou neste sábado à final da disputa ao derrotar o espanhol Adrian Menendez, por 2 sets a 1, parciais de 5/7, 7/6 (8-6) e 7/5, após uma batalha de três horas e cinco minutos.

Seu adversário sairá apenas neste domingo: Ricardo Mello vencia o argentino Federico del Bonis, por 6/4, 5/7 e 5/4, com saque a favor, quando o jogo foi interrompido por chuva e recomeça às 10 horas (horário de Brasília). A final de simples está confirmada para as 11 horas.

"Consegui manter a cabeça no lugar o tempo todo e aproveitei ao máximo a energia que veio da torcida", garantiu Camilo, que fez sua sétima partida na semana no Parque Villa-Lobos, já que venceu três vezes no qualificatório.

Até então, ele jamais havia vencido sequer uma partida em nível challenger. "Apesar de tanto esforço, jogos duros e o calor, estou me sentindo em ótima forma", afirma o tenista que nasceu em Tupã, no interior de São Paulo e está radicado em Porto Alegre, já que integra o time do Instituto Gaúcho. Seus maiores resultados até então haviam sido três troféus de categoria future, dois deles no ano passado.

Este foi o terceiro jogo em que Camilo salvou match-points. Ele escapou de um no tiebreak na estreia contra Daniel Silva, salvou outros dois na inesperada vitória sobre o cabeça 2 Horacio Zeballos na segunda rodada e mais um no desempate contra o espanhol Menendez. "Isso tudo é confiança", explica ele, com simplicidade.

Caso Mello confirme sua vitória - ele tem saque a favor para disputar sua quarta final no torneio -, o Challenger de São Paulo terá sua primeira decisão totalmente brasileira desde 2006, quando Flávio Saretta derrotou Thiago Alves.

Em duplas, apenas um finalista está definido: os cabeças 1 Santiago González e Horacio Zeballos. A segunda semifinal foi adiada para 10 horas deste domingo na quadra 2, entre André Sá/Franco Ferreiro e Rodrigo Grili/Rodrigo Guidolim. A decisão acontece logo depois da final de simples.

Leia tudo sobre: Rafael CamiloATPchallengerSão Paulotênis

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG