"Senti um puxão perto do pescoço que me lembrou uma lesão de três anos atrás", relatou a líder do ranking

Principal favorita ao título do WTA de Bastad, na Suécia, a dinamarquesa Caroline Wozniacki sentiu dores no ombro e abandonou a partida contra a local Sofia Arvidsson, nesta quarta-feira. O placar estava em 6/2 no primeiro set para a número um do mundo.

A dinamarquesa sentiu dores ao sacar. Na ocasião, foi quebrada pela sueca no segundo set e, logo em seguida, pediu atendimento e abandonou o jogo. "Senti um puxão perto do pescoço que me lembrou uma lesão de três anos atrás. Não queria arriscar e seria bem difícil vencer Sofia sem estar 100%", explicou a tenista, que não escondeu seu abatimento ao sair de quadra.

"Foi terrível e frustrante ter que abandonar. Estava muito ansiosa para jogar aqui em Bastad", lamentou Wozniacki. No circuito, ela vinha de uma eliminação em Wimbledon para a eslovaca Dominka Cibulkova nas oitavas de final.

Com o resultado, Arvidsson garantiu presença nas quartas de final do torneio, independentemente do resultado parcial do confronto de hoje. Na próxima fase, enfrentará a espanhola Maria Jose Martinez, que eliminou a sua compatriota Nuria Lagostera por 7/5 e 6/1.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.