Tenista quer manter bom desempenho no piso lento para conseguir continuar na liderança do ranking da ATP

Número um do mundo, Rafael Nadal ainda não conquistou títulos neste ano. Vice-campeão nos Masters 1000 de Indian Wells e Miami, o espanhol se disse contente com seu desempenho na quadra rápida e espera defender seus pontos no saibro, começando pelo Masters de Monte Carlo, a partir do dia 10 de abril.

"Aprendemos com tudo e, apesar das derrotas, tive uma temporada fantástica no piso duro americano com duas finais, estou pronto para o saibro", afirmou Nadal, que perdeu os dois títulos para o sérvio Novak Djokovic, invicto em 2011.

Com as conquistas de Indian Wells e Miami, Djokovic assumiu de vez o posto de número dois do mundo e diminuiu pela metade a diferença para Nadal. Número um do mundo, Nadal quer defender os pontos no saibro para se manter no topo do ranking.

"Meu objetivo é ser competitivo em todos os torneios. Se for assim, terei minha chance de me manter no número um. Ele [Djokovic] ganhou dois torneios e um Grand Slam. O normal é ele ser o número um dentro de um ou dois meses, depende dos meus resultados no saibro. Com certeza ele estará lá, mas eu vou lutar. Se conseguir ir bem no saibro, vamos ver o que vai acontecer depois", avaliou Nadal.

Na temporada passada, Nadal conquistou cinco mil pontos no saibro, ao levantar os troféus de Monte Carlo, Roma, Madri e Roland Garros. Campeão de tudo no saibro em 2010, o espanhol admitiu que será difícil repetir o feito.

"Só aconteceu uma vez de ganhar tudo no saibro, muito difícil que se repita. Normalmente no piso lento eu tenho um pouco de vantagem, mas vamos ver em Monte Carlo", ponderou Nadal, que agora está focado na adaptação à terra batida.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.