Publicidade
Publicidade - Super banner
Tênis
enhanced by Google
 

Venus Williams comemora volta ao circuito antes de Wimbledon

As irmãs Williams, afastadas do tênis por causa de conduções, chegam mais cedo na Inglaterra para os torneios de aquecimento

Reuters |

Durante mais de uma década, as irmãs Williams encararam os torneios de aquecimento para Wimbledon como um esforço a mais, e tinham razão, já que juntas ergueram o troféu nove vezes em 11 anos. Mas problemas de saúde, incidentes inesperados, e longos afastamentos por contusões forçaram Venus e Serena a conceber um novo plano de ação este ano. As duas voaram para a Grã-Bretanha uma semana mais cedo para seu tão aguardado retorno ao tênis.

"Serena não joga há um ano e eu disputei três ou quatro torneios em um período de 12 meses, então é crucial para nós jogar essas partidas-chave a caminho de Wimbledon", disse Venus, que está fora de ação desde janeiro por conta de um estiramento abdominal, neste sábado.

"Normalmente, depois de Roland Garros vamos para casa descansar e treinar, funciona melhor assim para nós. Mas este ano a melhor preparação é estar aqui. Logo que me vi fora de Roland Garros voltei minha atenção para cá", acrescentou.

Se as lesões obrigaram Venus a só disputar os grandes torneios por mais de um ano, Serena está encostada desde que venceu em Wimbledon quase 12 meses atrás por ter cortado o pé num acidente em um restaurante. Um coágulo em um dos pulmões que chegou a ser um risco de morte adiou ainda mais sua volta.

Agora que as irmãs voltaram à boa forma, Venus comemora poder aterrorizar suas adversárias novamente no gramado.

No sábado, ela chegou elegantemente atrasada para uma coletiva de imprensa e declarou o quão empolgante é estar de volta ao cenário idílico do Parque de Devonshire, na cidade litorânea de Eastbourne.

"Mal posso acreditar que finalmente voltei. Foi um longo caminho. Não consigo expressar o quão empolgada estou por disputar qualquer partida de primeira rodada, seja onde for", disse. Coincidentemente, Venus enfrentará a alemã Andrea Petkovic na primeira rodada -- sua adversária quando, contundida, desistiu do Aberto da Austrália.

O tênis feminino com certeza sofreu com a falta do estilo alvoroçado das irmãs Williams, mas Venus está pronta para compensar o tempo perdido."Senti falto do tênis, que tem sido tão bom para mim. Amo este esporte, amo meu trabalho, me faz bem e é uma honra ser uma atleta profissional", disse.

"Espero ter dado o suficiente para meu esporte para que signifique algo eu não estar jogando, e com um pouco de sorte significa mais quando estou."

Leia tudo sobre: tênis

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG