Tamanho do texto

Torneio conquistado na cidade de s-Hertogenbosch, na Holanda, é o sétimo da carreira do tenista russo

Ex-top 20 do ranking mundial, o russo Dmitry Tursunov passou duas temporadas sem conquistar um título. O jejum do tenista acabou na tarde deste sábado, quando ele venceu o croata Ivan Dodig na decisão do ATP 250 de s-Hertogenbosch e voltou a festejar.

Tursunov dominou o confronto e se defendeu com sucesso nas três vezes em que teve o saque ameaçado. Eficiente, ele aproveitou três das sete chances que teve para quebrar o rival e converteu 31 dos 41 pontos depois de encaixar o primeiro serviço, o suficiente para vencer por 6/3 e 6/2.

Atual 70º colocado no ranking da ATP, Tursunov chegou a ocupar o 20º posto em outubro de 2006. Ele havia sido campeão pela última vez em Eastbourne-2009, mais um campeonato disputado na grama. No total, o russo de 28 anos soma sete títulos e dois vices.

Apesar da derrota na decisão, Ivan Dodig segue em franca evolução nesta temporada. Com 26 anos, o tenista ocupa atualmente a 42ª colocação no ranking mundial, seu recorde. No ATP 250 de Zagreb-2011, foi campeão na primeira final de sua carreira.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.