Francês, número 11 do mundo, venceu o suíço nos últimos dois confrontos e diz que ser agressivo é o segredo para vencer

AFP
Algoz de Federer, Tsonga diz saber como parar um dos melhores tenistas do mundo
Embora ainda lidere o confronto direto contra Jô-Wilfried Tsonga, o suíço Roger Federer tem motivos para se preocupar. Nos últimos dois duelos, foi eliminado pelo 11º do ranking e o enfrenta novamente, desta vez pelas quartas de final do Aberto dos Estados Unidos. O francês acredita que já sabe como vencê-lo.

Em Wimbledon ocorreu a maior das vitórias. Tsonga esteve perdendo por 2 a 0, mas conseguiu aplicar três 6/4 seguidos sobre o suíço e virou o jogo das quartas de final. No Masters 1000 de Montreal, o francês venceu por 2 a 1 nas oitavas.

"É bom ter algumas vitórias contra ele. Agora, Roger sabe que posso batê-lo, e vai fazer de tudo para me vencer desta vez. A chave para mim é jogar como fiz da outra vez. Ser agressivo e entrar na quadra antes dele", explicou.

Nas oitavas, Tsonga superou a maior esperança local, o norte-americano Mardy Fish, oitavo cabeça de chave, após quase quatro horas de jogo. "Eu me sinto bem fisicamente e isso faz você se sentir mais forte mentalmente porque sabe que pode ganhar em cinco sets se precisar", comentou.

A partida deveria ser realizada nesta quarta-feira, mas a chuva cancelou a rodada de terça e a nova programação ainda não foi divulgada.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.