Fora de casa, brasileiro foi superior a Marcel Felder e bateu seu adversário por 3 sets a 0, com parciais de 6/2, 6/2 e 6/3

Rogério Dutra da Silva, número 135 do ranking da ATP, começou com o pé direito para o Brasil, contra o Uruguai, pela fase de repescagem para o Grupo Mundial da Copa Davis. Nesta sexta-feira, o brasileiro foi superior a Marcel Felder e bateu seu adversário por 3 sets a 0, com parciais de 6/2, 6/2 e 6/3.

Forte já no início do jogo, que atrasou em função de problemas técnicos em Montevidéu, Rogerinho conquistou duas quebras no primeiro set, no quarto e oitavo games, e não teve dificuldades para fechar a primeira parcial. No segundo, já começou confirmando seu saque e, novamente com o domínio da partida, conquistou mais duas quebras.

No último set, embalado e confiante, o brasileiro não teve dificuldades para se recuperar e quebrar o uruguaio depois de ceder um game no serviço, logo o primeiro. Muito próximo da vitória, diminuiu o ritmo na devolução e encerrou a partida no saque.

O outro duelo desta sexta é do principal tenista brasileiro, Thomas Bellucci, contra Martin Cuevas, 624º no ranking, irmão mais novo de Pablo Cuevas, que desistiu em função de uma lesão ainda não recuperada totalmente.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.