Americano fez 2 a 1 no jovem Milos Raonic após partida muito equilibrada. É o 30º título da carreira

selo

EFE
Roddick conquistou o 30° torneio de sua carreira
O norte-americano Andy Roddick conquistou, neste domingo, o título do Torneio de Memphis, nos Estados Unidos, disputado em quadras duras e com premiação de 500 pontos ao seu mais novo campeão. Com muito esforço, o atual número 8 do ranking mundial da ATP derrotou o canadense Milos Raonic por 2 sets a 1 - com parciais de 7/6 (9/7), 6/7 (11/13) e 7/5, em 2 horas e 36 minutos de disputa. 

Com os pontos obtidos em Memphis com sua 30ª conquista na carreira profissional, Roddick permanecerá no oitavo lugar na lista a ser divulgada pela ATP nesta segunda-feira. A ascensão será do seu oponente na final. Surpresa da temporada - com o título em San Jose (Estados Unidos) e as oitavas de final no Aberto da Austrália, Raonic deverá ganhar cerca de 20 posições com os 250 pontos conquistados e aparecer perto da 35ª colocação.

 Em quadra, Roddick sofreu mesmo para bater o canadense de 20 anos. Seu tradicional jogo de saque e voleio foi várias vezes minado por Raonic, que conseguiu a proeza de conquistar mais aces que o norte-americano - foram 32 contra 20. Todos os sets foram muito equilibrados, sendo que os dois primeiros tiveram que ser decididos no tie-break. 

Na terceira e decisiva parcial, parecia que a força de Raonic havia acabado e Roddick abriu 4 a 1. No entanto, o canadense conseguiu devolver a quebra de saque a favor do norte-americano. Quando o título parecia que seria decidido em mais um tie-break, Roddick obteve a vitória em um lance incrível.

 Em seu primeiro match-point com 6 a 5 e saque de Raonic, o norte-americano estava quase perdendo o ponto quando se jogou no chão e conseguiu devolver a bola sem chances para o rival. Mesmo sem acreditar muito no que fez, Roddick se levantou e comemorou o terceiro título da carreira em Memphis - os outros foram em 2002 e 2009.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.