Tamanho do texto

Grande surpresa na Austráliao, onde despachou Tsonga e Soderling, irá jogar Brasil Open, entre 5 e 12 de fevereiro

Uma das principais revelações do Aberto da Austrália, o ucraniano Alexandr Dolgopolov iniciará no Brasil sua temporada de torneios na América do Sul. Entre os dias 5 e 12 de fevereiro ele disputa o ATP 250 da Costa do Sauípe, na Bahia.

No Aberto da Austrália, Dolgopolov chegou até as quartas de final, em que foi eliminado pelo britânico Andy Murray com uma derrota por 3 sets a 1. Antes, ele havia superado favoritos ao título australiano, como o francês Jo-Wilfried Tsonga e o sueco Robin Soderling.

"Estou muito contente por ter alcançado as quartas de final na Austrália. Este é o meu melhor resultado em Grand Slams", comemorou Dolgopolov, que ocupa a 46ª colocação da lista da ATP.

Com o bom resultado no primeiro Grand Slam do ano, o ucraniano deve entrar no top 30 do ranking mundial e chegar ao ATP 250 da Costa do Sauípe como cabeça de chave 5. Na Bahia, ele tem a seu favor o fato de o torneio ser disputado no saibro, seu piso preferido.

"Me sinto mais confortável no saibro. Estou mais acostumado a esse tipo de piso e é onde acredito ter um melhor desempenho", afirmou Dolgopolov. O ucraniano já participou do torneio brasileiro em 2007, mas foi eliminado no qualifying por Marcos Daniel

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.