Publicidade
Publicidade - Super banner
Tênis
enhanced by Google
 

Radwanska abandona Kuala Lumpur com dores no cotovelo

Polonesa teve rodada dupla na última quinta-feira e pode não ter resistido ao esforço ao qual foi submetida

Gazeta |

Uma das favoritas a ficar com o título, a polonesa Agnieszka Radwanska abandonou o WTA de Kuala Lumpur, na Malásia, com dores no cotovelo, nesta sexta. O provável motivo da lesão é a rodada dupla pela qual a tenista número cinco do mundo foi submetida na manhã desta quinta feira.

Leia também: Recuperada de câncer, Kleybanova voltará a jogar tênis

A polonesa estreou com vitória contra a uzbeque Akgul Amanmuradova no torneio malaio e no mesmo dia enfrentou a tcheca Karolina Pliskova, pela segunda rodada. Apesar das duas vitórias que garantiram a classificação, Radwanska não poderá dar sequência à campanha na competição, cuja tenista da Polônia era uma das candidatas a ficar com a taça.

AP
Radwasnka sentiu dores no cotovelo em Kuala Lumpur

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

A taiwanesa Su-Wei Hsieh foi beneficiada com o abandono e vai disputar uma das semifinais. A atleta do Taiwan veio do classificatório e eliminou australiana Casey Dellacqua e a britânica Anne Keothavong para chegar às quartas.

Hsieh enfrentará a vencedora do duelo entre a grega Eleni Daniilidou e a australiana Olivia Rogowska. Cabeça de chave número cinco, a croata Petra Martic também avançou, após vencer a chinesa Shuai Peng em um embate que superou as duas horas. As parciais ficaram em 4/6, 7/6 (7-3) e 6/4. Na semifinal, a croata terá pela frente a sérvia Jelena Jankovic ou a japonesa Ayumi Morita, que se enfrentam.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG