Pedro Henrique Freitas foi convidado para jogar a chave principal do 13º Vivo Nokia Tennis Classic Rio Quente Resorts

O mineiro Pedro Henrique Freitas, de 17 anos, foi contemplado nesta sexta-feira com o último wild card (convite) para a chave principal da 13ª edição do Vivo Nokia Tennis Classic Rio Quente Resorts, em Goiás, que vai de 7 a 14 de maio e oferece US$ 15 mil (cerca de R$ 24 mil) em premiações.

O jovem tenista, que é pupilo de Larri Passos - treinador do atual número um do Brasil, Thomaz Bellucci, e que trabalhou com Gustavo Kuerten, tricampeão de Roland Garros -, espera aproveitar, no torneio future goiano, a oportunidade para marcar seu primeiro ponto no ranking mundial.

"Estou muito contente, agradeço pelo convite, é um grande incentivo para mim, uma grande oportunidade de jogar com outros jogadores que estão jogando bem", disse o tenista de Uberlândia, que mora em Camboriú e jogará em uma chave principal pela segunda vez.

Outro juvenil de destaque nacional e que também tenta entrar no ranking da ATP, por meio do torneio de Rio Quente, é o catarinense Karue Sell, sexto melhor tenista do Brasil nos 18 anos. Os demais wild cards da chave foram entregues aos paulistas Júlio Silva e Renato dos Santos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.