Tamanho do texto

Beneficiado por desistências, finlandês segue vivo no torneio. Novak Djokovic conheceu seu adversário

O finlandês Jarkko Nieminem avançou à segunda rodada do Masters 1000 de Roma de maneira inusitada nesta segunda-feira. Derrotado na última rodada do qualifying , ele entrou na chave pelas desistências do francês Gael Monfins e do japonês Kei Nishikori, que se enfrentariam na primeira rodada do torneio, e venceu por 7/5, 2/6 e 6/3 o francês Adrian Mannarino, também superado no quali e beneficiado pelas desistências.

Na segunda rodada em Roma, Nieminem terá pela frente o ucraniano Sergiy Stakhovsky, que teve dura batalha contra o romeno Victor Hanescu: 6/3, 1/6 e 7/6 (8-6). Os dois se enfrentaram apenas uma vez em chaves da ATP (Associação dos Tenistas Profissionais), com vantagem para o ucraniano.

Já Pablo Cuevas, principal tenista do Uruguai, adversário do Brasil na Copa Davis, não resistiu ao jogo do polonês Lukazs Kubot e foi eliminado em sua estreia na Itália. O europeu triunfou por 2 sets a 1, após duas horas e 42 minutos, com parciais de 7/6 (7-1), 2/6 e 6/2.

O próximo confronto de Kubot é com o sérvio Novak Djokovic, campeão neste domingo do Masters 1000 de Madri, ao derrotar o espanhol Rafael Nadal. Ainda invicto nesta temporada, o tenista de Belgrado tem a chance de assumir a liderança do ranking mundial se conquistar o título em Roma.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.