Publicidade
Publicidade - Super banner
Tênis
enhanced by Google
 

Nalbandian explica abandono: "Não me sentia bem"

"Eu jogava a bola para sacar e tudo girava. É difícil jogar assim", lamentou o veterano argentino

Gazeta Esportiva |

Após vencer uma batalha de quase cinco horas contra o australiano Lleyton Hewitt na estreia do Aberto da Austrália, o argentino David Nalbandian não conseguiu manter a forma dois dias depois e abandonou a segunda rodada do torneio. O beneficiado foi o lituano Richard Berankis, que vencia por 6/1, 6/0 e 2/0. O portenho justifica que o médico achava perigoso ele continuar jogando.

"Eu me sentia vazio. Não me sentia bem. É duro, muito duro. Eu jogava a bola para sacar e tudo girava. É difícil jogar assim. Eu chamei o médico e ele disse que seria perigoso continuar jogando. Por isso eu abandonei", explicou o número 21 do mundo.

Nalbandian disputou todos os Abertos da Austrália desde 2002, exceto o do ano passado, e esta foi apenas a terceira vez que saiu na segunda rodada. Em sua primeira participação, perdeu para o sul-africano Wayne Ferreira, e em 2009 para o taiwanês Yen-Hsun Lu. Neste ano, a temporada do argentino terminou em maio por causa de uma lesão.

Leia tudo sobre: Aberto da AustráliaDavid Nalbandianatp

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG