Publicidade
Publicidade - Super banner
Tênis
enhanced by Google
 

Murray vence surpresa japonesa e vai à semifinal do Aberto da Austrália

Britânico derrota Kei Nishikori por 3 sets a 0 e espera vencedor do confronto entre Novak Djokovic e David Ferrer na próxima fase

Gazeta |

O britânico Andy Murray pôs fim à surpreendente campanha do japonês Kei Nishikori no Aberto da Austrália, nesta quarta-feira, e avançou à semifinal do primeiro Grand Slam do ano. O número 4 do ranking mundial venceu por 3 sets a 0, parciais de 6/3, 6/3 e 6/1, em 2h12min de jogo e eliminou o asiático, algoz do francês Jo-Wilfried Tsonga.

Leia mais sobre tênis no blog do Paulo Cleto

É a terceira vez consecutiva que Murray chega à semifinal do Aberto da Austrália. Nos dois anos anteriores, ele conseguiu a vaga na final, mas acabou derrotado e continuou sem conquistar um Grand Slam na carreira. Em 2010, ele caiu na decisão diante do suíço Roger Federer. Um ano depois, seu algoz foi o sérvio Novak Djokovic, que pode ser seu próximo adversário.Murray jogou de forma inteligente para derrotar Nishikori nesta quarta-feira.

Dono de um dos melhores preparos físicos do circuito e mais descansado do que seu adversário, que duelou por 3h30min com Tsonga nas quartas de final, o britânico investiu em longas trocas de bolas para causar fadiga ao asiático.

Veja também: Galeria de fotos mostra o que os tenistas fazem fora das quadras na Austrália

Deu certo na primeira parcial e o britânico venceu por 6/3. No set seguinte, Nishikori mostrou ainda mais cansaço e, aos poucos, começou a oferecer menos resistência a Murray, que abriu 2 a 0. Na parcial final, o japonês lutou, mas pouco pôde fazer contra o bem preparado britânico.

Apesar da derrota nesta quarta-feira, Nishikori tornou-se o primeiro tenista japonês a avançar às quartas de final do Aberto da Austrália na Era Aberta do tênis. A campanha histórica fez com que ele ganhasse apoio das arquibancadas de torcedores de seu país e australianos, empolgados com seu desempenho.

Na semifinal, Andy Murray enfrenta o sérvio Novak Djokovic, líder do ranking mundial e atual campeão do Aberto da Austrália, que superou o espanhol David Ferrer por 3 sets a 0.

Leia tudo sobre: aberto da austrália 2012tênisandy murray

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG