Publicidade
Publicidade - Super banner
Tênis
enhanced by Google
 

Murray vence com facilidade e avança no Aberto da Austrália

Britânico fez 3 sets a 0 no ucraniano Illya Marchenko e agora encara o espanhol Guillermo García-López

AE |

O britânico Andy Murray não teve problemas para se garantir, nesta quinta-feira, na terceira rodada do Aberto da Austrália, primeiro Grand Slam do ano, realizado em Melbourne. Quinto cabeça de chave do torneio, do qual é o atual vice-campeão, o tenista bateu ucraniano Illya Marchenko por 3 sets a 0, com parciais de 6/1, 6/3 e 6/3.

Depois de confirmar o seu favoritismo de forma tranquila, Murray lutará por uma vaga nas oitavas de final contra o espanhol Guillermo Garcia-Lopez, que nesta quinta superou o argentino Eduardo Schwank por 3 sets a 0, com parciais de 6/4, 7/6 e 6/1.

Reuters
Murray corre para alcançar a bolinha na Austrália
Será apenas a segunda vez que Murray enfrentará o tenista da Espanha, derrotado pelo britânico nas oitavas de final do Torneio de Queen's de 2009.

Nesta quinta, Murray fez valer a eficiência do seu saque, com o qual fez 16 aces e ganhou 79% dos pontos que disputou quando usou o primeiro serviço. Além disso, o britânico cometeu apenas 15 erros não forçados, contra 34 do seu adversário, e aproveitou seis das oito chances que teve de quebrar o saque do rival, que só foi feliz em uma das quatro oportunidades que recebeu para vencer no serviço do tenista da Grã-Bretanha.

Já no duelo que foi o último encerrado nesta quinta-feira na chave masculina do Aberto da Austrália, o cipriota Marcos Baghdatis venceu o argentino Juan Martin del Potro por 3 sets a 1, com parciais de 6/1, 6/3, 4/6 e 6/3, e também avançou à terceira rodada. Agora, o tenista do Chipre terá pela frente o austríaco Jurgen Melzer, 11.º cabeça de chave, que despachou o espanhol Pere Riba com parciais de 6/2, 6/4 e 6/2.

Com o triunfo sobre o argentino, Baghdatis igualou em 1 a 1 o retrospecto do confronto com o rival, que havia levado a melhor no Masters Series de Miami de 2007, quando aplicou 3 sets a 0 no único do duelo entre os dois até então.

Ex-número 4 do ranking mundial e atual 236.º do mundo, Del Potro voltou a sofrer por causa de dores no punho direito, operado no ano passado, na partida desta quinta. Por causa delas, ele chegou a pedir atendimento médico.

Superado por Baghdatis, o argentino agora contabiliza duas vitórias e duas derrotas em quatro jogos no ano, já que anteriormente foi eliminado na segunda rodada do Torneio de Sydney. Em 2010, prejudicado pela lesão no punho, o tenista disputou apenas seis partidas na temporada.

Leia tudo sobre: aberto da austráliamurrayatp

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG