Tamanho do texto

Tenista escocês saiu levando 6/1 no primeiro set, mas reagiu e acabou massacrando Florian Mayer

O escocês Andy Murray, 4º melhor tenista do mundo, precisou levar um susto para acordar e avançar às semifinais do Masters 1000 de Roma. Após sair perdendo po 6/1 para o alemão Florian Mayer (28º), o britânico despertou e acabou detonando o adversário. Rapidamente, fechou a partida em 2 sets a 1, parciais de 1/6, 6/1 e 6/1, em 1h36min de jogo.

No primeiro set, Murray parecia não ter entrado no jogo, sofrendo duas quebras logo nos primeiros cinco games. Com 4 a 1 de vantagem para o alemão, o número quatro do mundo não esboçou reação e foi quebrado mais uma vez após a confirmação de seu adversário, perdendo a primeira parcial.

Na segunda, no entanto, o domínio mudou completamente de lado. Murray encontrou seu ritmo e, apesar de Mayer salvar três break points , o escocês conseguiu confirmar outros três para empatar o duelo. No set decisivo, não permitiu nenhuma chance de quebra para o 28º do ranking e fechou o confronto.

Andy Murray vem fazendo uma temporada irregular no saibro. Nesta sexta-feira, não foi diferente
AP
Andy Murray vem fazendo uma temporada irregular no saibro. Nesta sexta-feira, não foi diferente
Este ano, apesar de ter chegado às semifinais do Masters 1000 de Monte Carlo, parando apenas em Rafael Nadal , o britânico não teve boa participação em Madri (Espanha), Indian Wells (Estados Unidos) e Roterdã (Holanda), sendo eliminado logo na estreia. Nas oitavas de Madri, foi derrotado pelo brasileiro Thomaz Bellucci .

O próximo adversário de Andy Murray no saibro da capital italiana sairá do confronto entre o sérvio Novak Djokovic, 2º do ranking da ATP (Associação dos Tenistas Profissionais), contra o sueco Robin Soderling (5º). Os tenistas se enfrentam na tarde desta sexta-feira, na quadra central do Foto Itálico. Também nesta sexta, Rafael Nadal bateu o tcheco Marin Cilic e foi às semis.

*com GE