Publicidade
Publicidade - Super banner
Automobilismo
enhanced by Google
 

Trulli mostra preocupação com "equilíbrio" do carro da Lotus

Italiano correu apenas na segunda parte dos treinos livres. Seu companheiro, Kovalainen, foi mais otimista

Gazeta Esportiva |

O britânico Andy Murray reencontrou o caminho da vitória. Nesta sexta-feira, o cabeça de chave três derrotou o português Frederico Gil nas quartas de final do Masters 1000 de Monte Carlo. Em 1h12min, Murray aplicou 6/2 e 6/1 e enfrenta o espanhol Rafael Nadal na semifinal do torneio.

O britânico Andy Murray reencontrou o caminho da vitória. Nesta sexta-feira, o cabeça de chave três derrotou o português Frederico Gil nas quartas de final do Masters 1000 de Monte Carlo. Em um hora e 12 minutos, Murray aplicou 6/2 e 6/1 e enfrenta o espanhol Rafael Nadal na semifinal do torneio.

Com ótimo desempenho no saque, Murray não precisou de muito para vencer o tenista vindo do qualifying. O britânico disparou seus aces, teve 86% de pontos ganhos com o primeiro serviço e salvou as três chances de quebra que cedeu ao longo da partida.

Garantido na semifinal de Monte Carlo, o número quatro do mundo terá um grande desafio pela frente: Nadal. O espanhol, que derrotou Ivan Ljubicic nesta sexta, está atrás de seu sétimo título consecutivo nos Masters de Monte Carlo. Desde 2005, o canhoto de Mallorca é o rei do saibro monegasco.

Vice-campeão do Aberto da Austrália neste ano, Murray vem fazendo campanha de recuperação em Monte Carlo. Desde a decisão em Melbourne, o britânico perdeu em três estreias e voltou a vencer no piso lento de Mônaco. Enquanto Nadal vem de duas finais nos Masters de Indian Wells e Miami.

A semifinal do Masters de Monte Carlo será o 15º encontro entre Murray e Nadal no circuito profissional. O número um do mundo tem ampla vantagem, tendo vencido o britânico em nove ocasiões. O último embate entre os dois foi na semifinal do ATP Finals de 2010, com vitória de Nadal.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG