Tamanho do texto

Argentina não competirá no gramado de Londres por causa de um estiramento muscular, sofrido durante a disputa de Roland Garros

Melhor sul-americana no ranking da WTA, a argentina Gisela Dulko não participará do Aberto de Wimbledon, que tem início a partir do próximo dia 20. A tenista não competirá no gramado de Londres por causa de um estiramento muscular, sofrido durante a disputa de Roland Garros.

"Lamentavelmente não vou poder este ano, pois meu estiramento em Paris foi bastante complicado e necessito de mais tempo para me recuperar e voltar 100% para o próximo torneio", declarou Dulko, que aparece na 40ª posição no ranking de simples e é a número 2 do mundo nas duplas. "Espero poder regressar o mais breve possível".

Dulko sofreu a lesão na coxa direita durante a disputa das oitavas de final do Grand Slam francês, contra a anfitriã Marion Bartoli. Na rodada anterior, a tenista havia conseguido uma importante vitória sobre a australiana Samantha Stosur, vice-campeã de 2010.

Apesar da lesão sofrida neste ano, Dulko pôde comemorar sua melhor campanha na chave simples em Roland Garros. Enquanto esse ano ela parou nas oitavas, na última temporada foi eliminada logo na estreia, pela romena Monica Niculesco. Nas duplas, ao lado da italiana Flavia Penetta, a argentina alcançou as semifinais em 2010.