Tenista passará por exames na Bélgica para saber se poderá disputar o terceiro Grand Slam da temporada

A torção que sofreu no tornozelo em abril voltou a incomodar a belga Kim Clijsters. Apesar de ter jogado em Roland Garros, o jogo de Clijsters não convencia. Nesta terça, a número dois do mundo perdeu ainda na segunda rodada do WTA de 's-Hertogenbosch e revelou que voltou a sentir a lesão.

Uma semana antes da disputa do Aberto de Wimbledon, Clijsters viaja para a Bélgica para fazer alguns exames e ainda não sabe se poderá jogar o terceiro Grand Slam do ano. "Depende dos resultados do hospital", declarou a jogadora. "É o mesmo tornozelo que machuquei antes. Eu esperava que dor passasse depois, mas não".

A belga teve um bom início de temporada, com a conquista do Aberto da Austrália e chegou a ser número um por uma semana, mas perdeu o posto para a dinamarquesa Caroline Wozniacki. No entanto, lesões no ombro e agora no tornozelo vêm incomodando e prejudicando o desempenho de Clijsters, que afirmou ter como objetivo maior participar dos Jogos Olímpicos de Londres 2012.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.