Tamanho do texto

Tenistas norte-americanos buscam superar os 11 troféus dos australianos Mark Woodforde e Todd Woodbridge

selo

O indiano Leander Paes e o checo Radek Stepanek faturaram neste sábado o título da chave de duplas do Aberto da Austrália com a vitória na final sobre os norte-americanos Bob e Mike Bryan por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (7/1) e 6/2. Assim, adiaram a 12ª conquista de um torneio do Grand Slam pelos norte-americanos, que buscavam esse recorde.

Leia mais: Azarenka bate Sharapova com pneu, vence 1º Slam e é número 1 da WTA

Os irmãos Bryan, ambos de 33 anos, tentam se tornar os recordistas de títulos de duplas dos quatro principais torneios do tênis desde 1968, quando foi iniciada a Era Aberta. Com o revés, os norte-americanos seguem com 11 troféus, assim como os australianos Mark Woodforde e Todd Woodbridge.

Paes e Stepanek são experientes em jogos de duplas, mas formaram uma dupla apenas pela quarta vez. Antes de atuarem em Sydney no início deste mês, eles haviam jogado juntos pela última vez há quase seis anos.

Leia também: Após batalha de quase 5 horas, Djokovic vai à final com Nadal

Os irmãos Bryan já venceram todos os torneios do Grand Slam ao menos uma vez, mas eles dominam principalmente o Aberto da Austrália. Em Melbourne, os norte-americanos já faturaram seis títulos de duplas, sendo quatro consecutivos. A última derrota antes da final deste sábado havia acontecido nas quartas de final de 2008.