Atual número 52 do mundo, tenista manteve relações conturbadas com seu pai quando ele a treinava

No mesmo dia em que caiu nas oitavas de final do Torneio de Birmingham , a francesa Aravane Rezai viu seu nome envolvido em mais uma polêmica a respeito da relação com o seu pai e ex-técnico.

O jornal gaulês Le Parisien revelou que a tenista, atual número 52 do mundo, apresentou queixa contra seu pai à polícia de Boulogne-Billancourt por violência e suposta fraude.

Além de pai e filha, Rezai e Arsalan mantinham uma relação de treinador e atleta, parceria esta que sempre foi repleta de brigas. Uma das mais fortes ocorreu em janeiro deste ano, quando a Federação Internacional de Tênis decidiu, inclusive, suspender o treinador por excesso de autoridade.

À época, a francesa desabafou. "Eu decidi dar um estopim. Para mim foi um grande terremoto na cabeça", afirmou Rezai, que esboçou uma aproximação com seu pai nos últimos meses.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.