Publicidade
Publicidade - Super banner
Tênis
enhanced by Google
 

Feijão se vinga de equatoriano e avança para as quartas

Brasileiro disse que estava com a derrota para Lapentti atravessada na garganta, mas agora "se vingou"

Gazeta |

A vitória de João Souza, o Feijão, sobre Giovanni Lapentti no Challenger de São Paulo valia muito mais do que a vaga nas quartas de final do torneio para o tenista. O brasileiro, que havia perdido para o equatoriano nos dois últimos encontros, teve sua revanche e não vacilou, eliminando o rival por 6/1 e 6/4.

O último embate entre os dois foi no Challenger de Quito, em partida bastante disputada e vencida nos detalhes por Lapentti. Atual número 111 do ranking, Feijão poderia ter entrado no Top 100 caso tivesse triunfado no final do ano passado sobre o equatoriano.

"Estava com a derrota para o Lapentti em Quito atravessada na garganta", declarou o paulista de 22 anos, que comemorou bastante o resultado desta quinta. "Foi um jogo totalmente diferente, fui bem melhor do que ontem (quarta)", acrescentou Feijão, que chegou a perder o primeiro set para o italiano Matteo Trevisan no jogo de estreia, nesta quarta.

"Desta vez fiz um ótimo primeiro set e só vacilei mesmo ali no finzinho, mas tive tempo para fechar", analisou o brasileiro. Garantido nas quartas de final, Feijão aguarda o vencedor do embate entre o argentino Frederico Del Bonis e o espanhol Guillermo Alcaide.

Contra Lapentti, Feijão foi amplamente superior no primeiro set e venceu a parcial com facilidade sobre o equatoriano, que começou sem ritmo de jogo. No intervalo da partida, Lapentti pediu assistência médica e voltou mais concentrado, chegando a ameaçar o serviço do brasileiro. Mas o número 111 do mundo se recuperou na parcial e confirmou a vitória depois de três match-points.

Carioca Romboli é eliminado
Algoz de Caio Zampieri, o italiano Thomas Fabbiano fez mais uma vítima brasileira no Parque Villa-Lobos: Fernando Romboli. O carioca começou bem na partida, vencendo o primeiro set, mas cedeu a virada para o rival, perdendo por 3/6, 6/1 e 6/1. Na próxima rodada, Fabbiano terá pela frente o vencedor do duelo entre Rafael Camilo e o argentino Horacio Zeballos.

Leia tudo sobre: FeijãoTênisATPLapentti

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG