Publicidade
Publicidade - Super banner
Tênis
enhanced by Google
 

Emocionado, Muster se aposenta definitivamente do tênis aos 44 anos

Austríaco foi derrotado nesta quarta-feira pelo jovem Dominic Thiem, de apenas 18 anos, por 6/2 e 6/3, em sua primeira partida no ATP 250 de Viena

Gazeta |

AP
Ex-número 1 do mundo, austríaco Thomas Muster foi ovacionado após sua despedida em Viena
O austríaco Thomas Muster, de 44 anos, foi derrotado nesta quarta-feira pelo jovem Dominic Thiem, de apenas 18 anos, por 6/2 e 6/3, em sua primeira partida no ATP 250 de Viena. Entretanto, o que realmente importou nas quadras do torneio foi a despedida definitiva de um grande ídolo local.

Muster foi número um do mundo em 1996 e campeão de Roland Garros no ano anterior. Logo que entrou em quadra, foi aplaudido pelos 7.500 torcedores que compareceram para prestigiar o tenista. "Não sabia se chorava ou se jogava. É realmente muito difícil começar uma partida como esta", disse.

"Normalmente, você espera a aclamação do público quando vence, faz uma grande partida, ou conquista um título, mas não em uma primeira rodada como aconteceu aqui", acrescentou.

Esta foi a segunda aposentadoria do austríaco, que estava na 1075ª posição do ranking e voltou a jogar no ano passado depois de parar em 1999. Em 26 jogos, ele conseguiu apenas duas vitórias, a mais expressiva delas contra o argentino Leonardo Mayer, atual 99º do mundo.

Ao todo, Muster fez 896 partidas oficiais: venceu 622 e perdeu 274. Em sua carreira, possui 44 títulos de simples e faturou mais de 12 milhões de dólares em premiações (aproximadamente R$ 21 milhões).

Leia tudo sobre: atp 250 de vienathomas muster

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG