tira-teima , Murray bate Soderling na estreia do ATP Finals e empolga a torcida - Tênis - iG" /
Publicidade
Publicidade - Super banner
Tênis
enhanced by Google
 

Em tira-teima , Murray bate Soderling na estreia do ATP Finals e empolga a torcida

No quinto duelo entre os tenistas, britânico fez 6/2 e 6/4 e desempatou o histórico

iG São Paulo |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237859454134&_c_=MiGComponente_C

Andy Murray fez questão de mostrar quem é que estava em casa. O britânico fez a festa da torcida na Arena O2, em Londres, ao vencer o sueco Robin Soderling, por 2 sets a 0, parciais de 6/2 e 6/4, em uma hora e 19 minutos de jogo. Na estreia do ATP Finals, Murray sai na frente do grupo B que ainda terá o duelo entre o suíço Roger Federer e o espanhol David Ferrer, neste domingo.

O histórico entre Murray e Soderling estava empatado, com duas vitórias para cada lado. Mas, nos últimos dois duelos, o sueco havia levado a melhor. Neste domingo, porém, Murray mostrou total superioridade. Quebrou em três oportunidades o serviço de Soderling (duas no primeiro set e uma no segundo), não concedeu nenhuma quebra ao adversário e fechou o jogo em uma hora e dezenove minutos.

O jogo
Com um início muito superior ao do adversário, Andy Murray, empurrado pela torcida, quebrou o saque de Soderling logo no terceiro game do primeiro set. O sueco demonstrava nervosismo e não conseguia mostrar o mesmo rendimento que o fez conquistar o Masters de Paris, na última semana. Murray ainda quebrou novamente o serviço de Soderling no sétimo game, e sacou pra fechar a primeira parcial em 6/2. No primeiro set, Murray fez pelo menos um ace em cada game que sacou. No total, foram 10 serviços vencedores do escocês contra apenas 2 de Soderling.

O segundo set foi mais disputado. Soderling conseguiu melhorar seu serviço e entrou no jogo. Teve, inclusive, uma oportunidade de quebrar o saque de Murray quando vencia por 3 a 2. O tenista da casa, porém, acertou um saque vencedor neste momento e desanimou o sueco. A única quebra do segundo set foi no sétimo game, quando Murray abriu 4/3 de vantagem e apenas confirmou seus  dois serviços na sequência para fechar o jogo e fazer a festa da torcida.

Leia tudo sobre: tênis - andy murraytênis - atp

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG