Publicidade
Publicidade - Super banner
Tênis
enhanced by Google
 

Djokovic encosta em Federer na briga pelo segundo lugar da ATP

Com título na Austrália, sérvio reduziu diferença para menos de 100 pontos. Nadal segue tranquilo na ponta. Bellucci caiu para 31º

Pedro Taveira, iG São Paulo |

Bicampeão do Aberto da Austrália, Novak Djokovic se manteve na terceira posição, mas voltou a encostar em Roger Federer no ranking da ATP. Com os 2.000 pontos somados com o título, o sérvio, que eliminou o suíço na semifinal em Melbourne, foi a 7.880, contra 7.965 do rival e vice-líder. Rafael Nadal segue tranquilo na ponta. Mesmo com a derrota nas quartas de final no primeiro Grand Slam da temporada, o espanhol aparece com 12.390 pontos.

Djokovic e Federer brigaram muito pelo segundo lugar no ano passado. Em fevereiro, o sérvio ultrapassou o adversário, lhe impondo seu pior ranking desde 2003. Após trocas de posições ao longo da temporada, o suíço conseguiu abrir vantagem e se firmou como número 2. Enquanto isso, Nadal reinava tranquilo.

Andy Murray, vice-campeão na Austrália, não conseguiu sair da quinta posição da ATP. Com 5.760, ele segue atrás de Robin Soderling, que tem 5.955. O sueco foi eliminado nas oitavas de final do Grand Slam australiano por Alexandr Dolgopolov, sensação do torneio. O ucraniano, inclusive, subiu 14 degraus e chegou à 32ª colocação no ranking.

A primeira mudança dentro do ‘top 10’ foi a subida de David Ferrer ao sexto lugar. O espanhol, que mandou Nadal para casa em Melbourne, caiu na semifinal diante de Murray. A campanha o levou aos 4.570 pontos, deixando para trás Tomas Berdych, com 4.270. Andy Roddick e Fernando Verdasco aparecem na sequência, seguidos por Jurgen Melzer, austríaco que subiu e chegou pela primeira vez ao grupo dos 10 melhores tenistas do mundo.

Bellucci cai, Daniel sobe
Como era esperado após a eliminação na segunda rodada do Aberto da Austrália, Thomaz Bellucci voltou à 31ª posição no ranking mundial. Seu algoz, o tcheco Jan Hernych, ganhou 67 colocações e agora é o número 174 da ATP. Ricardo Mello, que perdeu para Bellucci na primeira fase em Melboune, se manteve no 77º lugar.

Já Marcos Daniel, mesmo com a derrota para Rafael Nadal em sua estreia no Grand Slam, subiu duas posições. Por ter passado pelo qualifying, o atleta somou 10 pontos e chegou aos 564, o suficiente para a 91ª posição.

Confira o ranking da ATP desta segunda-feira:

JOGADOR PAÍS PONTUAÇÃO
1º Rafael Nadal Espanha 12.390
2º Roger Federer Suíça 7.965
3º Novak Djokovic Sérvia 7.880
4º Robin Soderling Suécia 5.955
5º Andy Murray Grã-Bretanha 5.760
6º David Ferrer Espanha 4.570
7º Tomas Berdych República Tcheca 4.270
8º Andy Roddick Estados Unidos 3.385
9º Fernando Verdasco Espanha 3.240
10º Jurgen Melzer Áustria 2.955
11º Mikhail Youzhny Rússia 2.920
12º Gael Monfils França 2.560
13º Nicolas Almagro Espanha 2.160
14º Stanislas Wawrinka Suíça 2.125
15º Ivan Ljubicic Croácia 1.965
16º Mardy Fish Estados Unidos 1.956
17º Sam Querrey Estados Unidos 1.860
18º Jo-Wilfried Tsonga França 1.715
19º David Nalbandian Argentina 1.655
20º Marin Cilic Croácia 1.600
31º Thomaz Bellucci Brasil 1.355
77º Ricardo Mello Brasil 622
91º Marcos Daniel Brasil 564

 

Leia tudo sobre: atprankingdjokovicfederernadalbellucci

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG