A convite do compatriota Petkovic o tenista número 1 do mundo pode vir jogar contra Gustavo Kuerten em uma exibição

AFP
O número 1 com sua estátua de cera em Belgrado
Atual líder do ranking mundial e campeão de quatro dos últimos cinco Grand Slams, o sérvio Novak Djokovic deve visitar o Brasil pela primeira vez em 2012. A convite do compatriota Petkovic, ex-jogador de clubes como Flamengo, Fluminense e Vasco, o tenista pode enfrentar Gustavo Kuerten em uma exibição.

"Já estamos apalavrados para o final desse ano, quando acabam as competições", afirmou Petkovic em entrevista à Rede Globo . O ex-meia ainda planeja jogar uma pelada com o tenista. "Ele gosta muito de futebol e talvez passe as férias aqui", completou Petkovic.

Leia também: Federer quer repetir triunfo de 2001 sobre os EUA na Copa Davis

De acordo com o próprio Djokovic, o jogo de exibição seria contra Guga ou Thomaz Bellucci, atual 38º colocado na lista da ATP e melhor representante do País no ranking. Ambos têm 24 anos e se enfrentaram em dois Masters 1000, nas oitavas de Roma-2010 e na semi de Madrid-2011, ambas com triunfo do sérvio.

"Acho que isso deve acontecer no final desse ano. Será a minha primeira vez no Brasil", confirmou Djokovic. O sérvio contou que tenistas como Marcelo Melo e André Sá costumam convidá-lo para visitar o país. "Tenho muitos amigos lá. Pelo que ouvi e vi, com certeza é um dos melhores países do mundo", afirmou.

Twitter do iG Esporte : notícias, vídeos e opinião

Tricampeão do Aberto da Austrália, Djokovic tem um título em Wimbledon e outro no Aberto dos Estados Unidos. Desta forma, o tenista sérvio adiantou que sua prioridade para o restante desta temporada é conquistar Roland Garros para completar o Grand Slam.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.