Caso passem pelo duelo contra a Suécia, sérvios pegam vencedor da série entre Argentina e Cazaquistão na semifinal

Favorita no confronto contra a Suécia pela Copa Davis, pelas quartas de final da competição entre nações, a Sérvia não quer sofrer riscos. Na próxima sexta-feira, o representante do país em quadra, na segunda partida da série, será ninguém menos que Novak Djokovic, o mais novo número um do mundo.

Na primeira rodada, ele folgou em função de seu título no Aberto da Austrália. Desta vez, jogará contra Ervin Eleskovic, o 355º do ranking da ATP. A abertura fica por conta do segundo melhor tenista sérvio, Viktor Troicki, 16º do mundo, que medirá forças com Michael Ryderstedt, 297º.

Já no sábado, nas duplas, o favoritismo não é 100% da Sérvia. Janko Tipsarevic e Nenad Zimonjic pegam Simon Aspelin e Robert Lindstedt. O principal ponto fraco da Suécia, no entanto, é o desfalque de Robin Soderling, número 5 do mundo, que pediu para ser dispensado em função de cansaço.

Quem passar do duelo entre Sérvia e Suécia enfrentará o vencedor da série entre Argentina e Cazaquistão na semifinal da Copa Davis.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.