Publicidade
Publicidade - Super banner
Tênis
enhanced by Google
 

Clijsters tira Wozniacki da liderança do ranking e enfrenta Azarenka

Após derrota por 2 sets a 0, juntamente com os resultados das rivais, dinamarquesa será superada por Kvitova e Azarenka

Gazeta |

A primeira semifinal da chave feminina do Aberto da Austrália foi definida na madrugada desta terça-feira. Com a vitória sobre Caroline Wozniacki, além de avançar no torneio, a belga Kim Clijsters tirou a dinamarquesa da liderança do ranking mundial. Na briga por uma vaga na decisão, ela pega Victoria Azarenka, da Bielorússia.

Leia também: "Wozniacki não é a verdadeira número 1", critica Navratilova

Cabeça de chave número 11 e atual campeã, Clijsters ganhou de Wozniacki por 2 sets a 0, parciais de 6/3 e 7/6 (7-4). A belga já havia vencido cinco líderes do ranking, mas nunca em um Grand Slam. O confronto realizado em Melbourne foi o terceiro entre as duas rivais, e a representante da Dinamarca continua em busca da primeira vitória.

Com a derrota, o ranking mundial feminino terá uma nova líder a partir da próxima segunda-feira. Criticada por não ter disputado uma final de Grand Slam durante seu reinado de 67 semanas, Wozniacki foi desbancada pela tcheca Petra Kvitova e por Azarenka. Dependendo de sua campanha em Melbourne, a russa Maria Sharapova também pode superar a dinamarquesa.

AP
Sem nenhum título de Grand Slam na carreira, Wozniacki (direita) se despede do Aberto da Austrália

Já Azarenka, cabeça de chave número 3, ganhou da polonesa Agnieszka Radwanska, oitava favorita, por 2 sets a 1, parciais de 6/7 (0-7), 6/0 e 6/2. Desta forma, a tenista da Bielorússia amplia ainda mais sua vantagem sobre a adversária, já que contabiliza sete triunfos e apenas três tropeços desde a temporada de 2006.

Vice-campeã na edição de 2004 do Aberto da Austrália, quando perdeu para a compatriota Justine Henin, Kim Clijsters ganhou o título no ano passado sobre a chinesa Na Li. Já Victoria Azarenka, seis anos mais nova que sua adversária, se prepara para disputar uma semifinal de Grand Slam pela segunda vez na carreira (também jogou em Wimbledon-2011). Campeã do Torneio de Sydney-2012, ela nunca havia passado das quartas em Melbourne.

Na briga por uma vaga na final do Aberto da Austrália, Clijsters e Azarenka se encontrarão pela sétima vez no Circuito da WTA. Com quatro vitórias, a tenista da Bélgica lidera o retrospecto no confronto direto, mas a representante da Bielo-Rússia levou a melhor no jogo mais recente, nas quartas de final do Torneio de Miami-2011.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG