Publicidade
Publicidade - Super banner
Tênis
enhanced by Google
 

Clijsters é surpreendida e perde chance de virar nº 2

Belga perdeu final do WTA de Sydney para a chinesa Na Li e não conquistou seu 41º título na carreira

Gazeta |

Com status de terceira favorita à conquista do torneio WTA de Sydney, a belga Kim Clijsters esperava ter vida fácil na final da competição, onde enfrentava a chinesa Na Li, apenas a oitava cabeça-de-chave do torneio. No entanto, foi surpreendida na quadra e acabou sendo derrotada por 2 sets a 0, em parciais de 7/6 (3) e 6/3, em 1h30min de partida.

É apenas o quarto título da tenista asiática na carreira. A atleta de 28 anos é a 11ª melhor do mundo pela WTA, e conseguiu apenas a sua segunda vitória sobre a rival europeia, que a venceu em outras quatro ocasiões.

Caso vencesse, Clijsters conquistaria o 41º título da carreira e ficaria mais próxima de roubar a segunda posição no ranking da russa Vera Zvonareva. A última vez em que as duas tenistas se enfrentaram foi no Aberto dos Estados Unidos de 2009, com vitória da belga por 2 sets a 0, em parciais de 6/2 e 6/4.

Desta vez, no entanto, Li foi melhor durante todo o período, errando menos e vendo uma irreconhecível Clijsters que falhava nos momentos cruciais, como quando levou o primeiro set ao tie-break, mas não conseguiu vencer a disputa final. No segundo set, ainda levou dois aces e quebrou o saque da rival por duas vezes para vencer em um fácil 6/3, finalizando o jogo e levantando a taça.

Na final masculina, irão se enfrentar o francês Gilles Simon - que venceu o letão Ernests Gulbis por 2 sets a 0 (7/6 (1) e 6/0) - e o sérvio Viktor Troicki - que passou pelo alemão Florian Mayer também por 2 a 0, em parciais de 6/4 e 7/6 (4).

Reuters
Kim Clijsters falhou nos momentos cruciais da partida e acabou derrotada pela chinesa Na Li em Sydney

Leia tudo sobre: TênisWTASydneyClijstersNa Li

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG