Publicidade
Publicidade - Super banner
Tênis
enhanced by Google
 

Brasil vence nas duplas e vai à repescagem do grupo mundial da Davis

Bellucci e Bruno Soares se valeram da experiência e superaram os uruguaios por 3 sets a 0 em Montevidéu

Gazeta |

A seleção brasileira de tênis deu um importante passo para voltar ao grupo principal da Copa Davis. Neste sábado, a terceira partida da série de cinco confrontos contra o Uruguai foi disputada com o jogo de duplas. Thomaz Bellucci e Bruno Soares venceram Martin Cuevas e Marcel Felder por 3 sets a 0, em parciais de 6/4, 6/3 e 6/3, após duas horas de partida.

O resultado se soma às duas vitórias conquistadas na sexta-feira, que deixaram o placar em 2 a 0 , e classificou o Brasil para a repescagem do grupo Mundial da competição de seleções de tênis. Agora as duas partidas de simples do próximo domingo servirão apenas para cumprir tabela.

Em quadra, Thomaz Bellucci substituiu João Souza, o Feijão, que atuaria ao lado de Bruno Soares. A escolha do técnico João Zvetsch deu resultado: os brasileiros não perderam um set sequer na competição em três partidas, e confirmaram a disputa da repescagem por uma vaga no grupo mundial da competição.

Agora, o Brasil entrará em quadra apenas no mês de setembro. Antes, espera o resultado do sorteio para saber qual será o seu adversário (um dentre Índia, Russia, República Tcheca, Romênia, Chile, Bélgica, Croácia e Austria), e se jogará em casa ou longe de seus domínios.

vipcomm
Vitória sobre o Uruguai colocou equipe brasileira na repescagem da Copa Davis

O jogo

O Brasil começou muito bem a partida, conseguindo a quebra de saque logo no primeiro game. Soberanos, Bellucci e Soares confirmaram rapidamente o segundo game e quebraram novamente o serviço dos uruguaios, fazendo 3 a 0 em menos de dez minutos de jogo. Depois de uma breve pausa, o Uruguai voltou melhor à quadra e tentou complicar no serviço dos brasileiros, que quase perderam o game, mas salvaram a quebra e fizeram 4 a 0.

Vippcom
Dupla formada por Bruno Soares e Thomaz Bellucci não perdeu nenhum set em três partidas
A parceria platina confirmou seu primeiro game e levantou a modesta, porém barulhenta torcida local, que viu os games serem confirmados até que os uruguaios quebraram o saque rival pela primeira vez no jogo e fizeram 5/3. Em ascensão, a dupla da casa recuperou a quebra de saque no game e fizeram 5/4, encostando no placar. Após o momento de queda, Bruno confirmou o game para o Brasil e fechou a parcial em 6/4.

No segundo set, o Brasil começou avassalador, a exemplo da primeira parcial, conseguindo três games em sequência. Depois, os uruguaios respiraram como no set anterior, fazendo 4 a 2 e 5 a 3, mas não conseguiram segurar a ofensiva dos brasileiros, que fecharam a parcial em 6/3.

Na terceira parcial, os uruguaios voltaram dispostos a engrossar para os brasileiros, e o jogo ficou empatado em 2 a 2 nos primeiros quatro games. A partir dali, no entanto, Bellucci e Soares usaram da maior experiência para conseguir três games seguidos e fazer 5/2. Com dificuldade, os uruguaios salvaram a quebra de saque e fizeram 5/3. Durante a disputa do game final, o elenco brasileiro já comemorava na arquibancada, e o ace de Bellucci silenciou os fãs uruguaios, fechando o jogo em 6/3.

Leia tudo sobre: teniscopa davisthomaz belluccibruno soares

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG