Número 6 do mundo caiu diante de Stephane Robert, 140, por 3 sets a 2, com 3/6, 3/6, 6/2, 6/2 e 9/7, e irá cair no ranking

Thomaz Berdych é a primeira vítima da zebra no Aberto de Roland Garros. Sexto colocado no ranking da ATP, o tcheco decepcionou em sua estreia no Grand Slam e foi derrotado pelo francês Stephane Robert, número 140 do mundo, por 3 sets a 2, com parciais de 3/6, 3/6, 6/2, 6/2 e 9/7, após três horas e 23 minutos de partida.

Esta foi a primeira vitória de Robert, atleta de 31 anos, na chave principal de Roland Garros em toda sua carreira. Ele já esteve no Grand Slam em outras três oportunidades. Em 2004 e 2010, não passou da primeira rodada. Em 2009, parou na segunda etapa do qualifyng. Seu próximo adversário será o italiano Fabio Fognini, 49º da ATP.

Já Berdych irá cair no ranking mundial com a eliminação precoce. Semifinalista no ano passado, o tcheco defendia 720 pontos na tabela – agora irá somar somente 10.

O jogo
Quem viu os dois primeiros sets não poderia imaginar o que aconteceria ao final do confronto. Sem cometer nem um erro não-forçado sequer, Berdych dominou as parciais sem dar grandes chances a Robert.

Nos sets seguintes, porém, pareciam outros jogadores em quadra. O tcheco passou a errar bastante e perdeu o controle das ações. O francês, que até então não tinha criado nenhum break point, teve seis oportunidades de derrubar o saque rival. Ao aproveitar três no terceiro set, iniciou sua reação. Na quarta parcial, a história se repetiu e, com duas novas quebras, Robert igualou o duelo.

A decisão foi para o quinto set, que em Roland Garros não prevê tie break. O equilíbrio marcou a disputa. Robert errou mais do que Berdych (18 a 13), mas também conseguiu mais winners (22 a 10). Com duas quebras contra uma do tcheco, o francês marcou 9/7 e fechou a partida.

Stephane Robert conseguiu sua primeira vitória na chave principal de Roland Garros em toda sua carreira
AP
Stephane Robert conseguiu sua primeira vitória na chave principal de Roland Garros em toda sua carreira

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.