Publicidade
Publicidade - Super banner
Tênis
enhanced by Google
 

Bellucci perde batalha e acaba eliminado em Auckland

Brasileiro foi derrotado por 2 sets a 1 em duelo complicado contra o belga Olivier Rochus

AE |

selo

Depois de iniciar com vitória a temporada de 2012, Thomaz Bellucci sofreu a sua primeira derrota no ano, em jogo encerrado na madrugada desta quarta-feira, ao cair diante do belga Olivier Rochus por 2 sets a 1, com parciais de 7/6 (8/6), 5/7 e 7/6 (7/5), na segunda rodada do Torneio de Auckland.

Leia também: Raonic sobe, e Bellucci é único representante do Brasil no top 100

Cabeça de chave número 6 do ATP 250 disputado na Nova Zelândia, o tenista brasileiro esperava fazer boa campanha na competição para chegar confiante ao Aberto da Austrália, Grand Slam que começa na próxima segunda-feira, em Melbourne. Porém, sucumbiu em dois tie-breaks diante do seu adversário, atual 68º colocado do ranking da ATP, que triunfou após uma batalha de 3 horas e 12 minutos com seu rival.

Com a vitória diante do tenista número 1 do Brasil e atual 38º do mundo, Rochus enfrentará nas quartas de final o francês Benoit Paire, que surpreendeu ao eliminar o argentino Juan Ignacio Chela, quarto cabeça de chave, derrotado de virada com parciais de 5/7, 6/2 e 6/2.

E ainda: Após vitória na estreia, Bellucci festeja 'nível de jogo' exibido em vitória

Essa foi a segunda vitória de Rochus em três jogos contra Bellucci. Anteriormente, o belga superou o brasileiro no Torneio de Estocolmo de 2009, antes de ser superado no Masters 1.000 de Miami de 2010.

Na partida encerrada nesta quarta-feira, Bellucci mostrou força no saque ao contabilizar 17 aces, contra nenhum do seu rival. Ele ainda converteu dois de três break points cedidos pelo adversário e ganhou 76% dos pontos que disputou quando encaixou o seu primeiro saque. Já Rochus, mesmo aproveitando apenas uma de dez chances de quebrar o saque do brasileiro, triunfou por ter sido mais eficiente nos tie-breaks.

Bellucci chegou a salvar dois match points quando Rochus teve a chance de fechar o terceiro set em 7 a 5, mas acabou amargando a derrota ao ser superado em mais um tie-break, sofrendo assim a sua primeira derrota sob o comando do argentino Daniel Orsanic, contratado no final de novembro após o término da parceria com Larri Passos.

Outros jogos
Se Bellucci não conseguiu confirmar a condição de cabeça de chave, os três tenistas mais bem pré-classificados de Auckland se garantiram nas quartas de final nesta quarta. Principal favorito ao título, o espanhol David Ferrer avançou ao vencer o checo Lukas Rosol por 2 sets a 0, com 6/4 e 6/2. Com isso, Ferrer enfrentará na próxima fase o colombiano Alejandro Falla, que na segunda rodada superou o italiano Potito Starace por 2 sets a 0, com 7/6 (7/3) e 6/3.

Já o também espanhol Nicolas Almagro, segundo cabeça de chave, se classificou para as quartas de final ao bater o colombiano Santiago Giraldo por 6/4 e 6/2. Desta forma, se credenciou para encarar o alemão Philipp Kohlschreiber, oitavo pré-classificado, que nesta quarta derrotou o norte-americano Ryan Harrison, de virada, com 4/6, 6/4 e 6/3.

Outro tenista espanhol garantido nas quartas é Fernando Verdasco. Terceiro cabeça de chave, ele despachou o argentino Carlos Berlocq com parciais de 7/5 e 7/6 (7/3) e terá pela frente agora o seu compatriota Guillermo Garcia-Lopez, que na segunda rodada derrotou o francês Adrian Mannarino por 6/2 e 6/3.

Leia tudo sobre: torneio de aucklandthomaz bellucci

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG