Publicidade
Publicidade - Super banner
Tênis
enhanced by Google
 

Bellucci destaca superação em vitória na estreia sobre Mello

"Thomaz terminou bem o jogo e teve iniciativa para vencer", comemorou Larri Passos, técnico do tenista

Gazeta |

O paulista Thomaz Bellucci precisou de quase quatro horas para alcançar a segunda rodada do Aberto da Austrália. Na madrugada desta terça-feira, o cabeça de chave 30 do Grand Slam australiano conseguiu se superar e derrotou seu compatriota Ricardo Mello, 77º no ranking, por 3 sets a 2, parciais de 7/5, 7/5, 4/6, 3/6 e 6/3.

"O jogo começou bastante nervoso, mas acabei aproveitando melhor as oportunidades e fechei os dois primeiros sets. No terceiro minha energia caiu um pouco e o Ricardinho cresceu no jogo. No quinto set, nós dois jogamos bem, mas consegui terminar a partida sendo mais agressivo", explicou Bellucci, tenista número 1 do Brasil e 30º do mundo.

AP
Bellucci rebate contra Mello. Paulista abriu 2 a 0, levou o empate, mas foi melhor no quinto set

Para o paulista, as superações física e psicológica foram o diferencial no duelo. "Me superei, principalmente na parte mental. Fui buscar as minhas bolas e venci. Foi um bom teste de quase quatro horas em um Grand Slam".

Larri Passos, técnico do jogador, ainda explicou a queda de rendimento do jogador ao longo da partida. "É normal, depois de dois sets, a energia do jogador cair. O mais importante é que o Thomaz terminou bem o jogo e teve iniciativa para vencer", contou.

Na segunda rodada, Bellucci enfrentará pela primeira vez o tcheco Jan Hernych, 241º do mundo, que surpreendeu na estreia o uzbeque Denis Istomin, 41º, por 3 sets a 1. "Ele joga reto, tem boa paralela de esquerda, mas, com certeza, o Thomaz vai jogar mais solto", adiantou Passos.

Leia tudo sobre: TênisATPAberto da AustráliaThomaz Bellucci

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG