Sérvio agora tem 13.285 pontos, com mais de dois mil pontos de vantagem para Rafael Nadal no ranking

Campeão de Wimbledon pela primeira vez, o sérvio Novak Djokovic é oficialmente o novo número um do mundo e já aparece em primeiro no ranking da ATP, que foi atualizado neste domingo. Djokovic quebrou a hegemonia do espanhol Rafael Nadal e do suíço Roger Federer no topo da lista, que já durava sete anos.Djokovic, que já ultrapassaria Nadal no ranking mesmo se não vencesse o torneio, conquistou o inédito título do Grand Slam britânico e agora tem 13.285 pontos, com mais de dois mil pontos de vantagem para o espanhol no ranking. O sérvio agora tem três troféus de Grand Slam: Wimbledon-2011 e dois Aberto da Austrália, em 2011 e 2008.

Campeão em Wimbledon, Djokovic supera Nadal em mais de dois mil pontos no ranking
AP
Campeão em Wimbledon, Djokovic supera Nadal em mais de dois mil pontos no ranking

Primeiro tenista sérvio número um do mundo, Djokovic é o 25º atleta a ascender ao topo do ranking da ATP, quebrando o domínio de Nadal e Federer. O suíço esteve na liderança da lista por 285 semanas, enquanto o espanhol dominou por 102, nos últimos sete anos.

"Eles têm sido os dois jogadores mais dominantes do mundo nos últimos cinco anos", disse Djokovic, referindo-se a Nadal e Federer. "Eles ganharam a maioria dos Majors que jogaram. Então, algumas vezes me sentia um pouco frustrado quando avançava nos Grand Slam. Eles sempre vinham com o melhor tênis quando mais importava".

"Mas é um processo de aprendizado, um processo de desenvolvimento e de melhora como um tenista, como pessoa. Apenas encontrar um caminho de, mentalmente, superar essas pressões, expectativas e problemas que você tenha. Eu sempre acreditei que tinha a qualidade para vencer esses dois caras. Eu sempre acreditei que tinha a qualidade para vencer Majors", acrescentou Djokovic.

Além da ascensão de Djokovic ao posto de primeiro do ranking, o Top 5 não sofreu outras alterações. Federer aparece em terceiro, à frente do britânico Andy Murray e do sueco Robin Soderling.


Thomaz Bellucci cai seis posições
Tenista número um do Brasil, Thomaz Bellucci deixou o Top 30 na atualização da ATP. Ele caiu seis posições no ranking e agora aparece na 34ª colocação. O paulista de Tietê foi eliminado logo na estreia em Wimbledon e não defendeu os pontos do ano passado, quando parou na terceira rodada.

Já Ricardo Mello, número dois do Brasil, subiu três posições e ocupa a 86ª colocação. Nesta temporada, o tenista venceu sua primeira partida em Wimbledon e foi eliminado apenas na segunda rodada, seu melhor resultado no All England Club.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.