Tenista italiana fez partida duríssima contra Chanelle Scheepers, mas conseguiu a vitória por 2 sets a 1

A italiana Francesca Schiavone colocou sua continuidade no Aberto dos Estados Unidos em risco neste sábado. Pela terceira rodada, ela teve uma partida duríssima contra a sul-africana Chanelle Scheepers, chegando a salvar um match point para virar e vencer por 2 sets a 1, em parciais de 5/7, 7/6 (5) e 6/3.

Schiavone, sétima favorita, teve muita dificuldade contra Scheepers, apenas a número 81 do mundo. Após perder o primeiro set, a italiana teve a chance de fazer 5/4 no placar, mas deixou a adversária quebrar o seu serviço e sacar para vencer o jogo. Ainda que tenha empatado em 5 a 5, ela perdeu outras duas oportunidades de fechar o jogo a seu favor, levando a disputa para o tie-break - quando, enfim, renasceu e fez 7/5.

Renovada no jogo, Francesca não teve dificuldades no terceiro set, quando jogou mais de acordo com a sua posição no ranking e não deu chances à adversária, fechando rapidamente a parcial em 6/3 e o jogo em 2 sets a 1.

Jankovic perde para Pavlyuchenkova, que pega Schiavone

A sérvia Jelena Jankovic comprovou a curva descendente na carreira neste sábado. Também pela terceira rodada, a ex-número 1 do mundo enfrentou a russa Anastasia Pavlyuchenkova, tentando reviver o melhor momento da carreira.

Cabeça de chave 11, a tenista sérvia não foi páreo para a atleta russa em nenhum momento do jogo. Com desempenho idêntico nos dois sets, Jankovic foi facilmente vencida por 2 sets a 0, em um duplo 6/4 obtido após uma hora e 24 minutos.

Pavlyuchenkova tentará a vingança da derrota em Roland Garros, quando parou justamente em Schiavone - que defendia o título obtido em 2010 na França, mas perdeu.

Petkovic vence fácil e pega espanhola

Se Jankovic mostra que não é mais a mesma, a alemã Andrea Petkovic - de origem sérvia - comprovou o bom momento na carreira ao passar sem dificuldades pela italiana Roberta Vinci com direito a um pneu, em 2 sets a 0 (6/4 e 6/0).

Na próxima fase, a jovem tenista alemã terá pela frente a espanhola Carla Suarez-Navarro, que venceu a compatriota Silvia Soler-Espinosa com um placar parecido cm o da sua rival - 6/0 e 6/4.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.