Tamanho do texto

Tenistas são as melhores brasileiras do ranking. A equipe nacional será confirmada pela Confederação até o final do mês

As tenistas Ana Clara Duarte, Roxane Vaisemberg e Teliana Pereira, as três melhores brasileiras no ranking mundial, devem representar o País nos Jogos Pan-americanos de Guadalajara . A equipe nacional será confirmada pela Confederação Brasileira de Tênis (CBT) até o próximo dia 29 de agosto.

Atual 235ª do mundo, Ana Clara é a melhor na lista da WTA, seguida por Roxane (249ª) e Teliana (297ª), bronze em duplas no Pan do Rio de Janeiro-2007 ao lado de Joana Cortez. A CBT já entrou em contato com as atletas e inclusive perguntou o tamanho das roupas de cada uma para confeccionar os uniformes. No entanto, a assessoria de imprensa da entidade informa que há outras tenistas na lista de possíveis convocadas.

"Seria um orgulho. É sempre um prazer representar o Brasil, ainda mais em um Pan-americano. Eu estou na expectativa pela confirmação", declarou Roxane durante a etapa do Circuito Feminino do Estado de São Paulo realizada no Clube Paineiras do Morumby.

O Pan de Guadalajara terá competições de simples, duplas e duplas mistas. A tendência é que Ana Clara Duarte e Roxane Vaisemberg formem a parceria, já que as duas estão entre as três melhores brasileiras na lista de duplistas. Uma delas ainda será escolhida para jogar ao lado de um dos homens da equipe nacional.João Zwetsch, capitão do Brasil na Copa Davis, confirmou que Ricardo Mello e Rogério Dutra da Silva estarão no México. Ele chegou a convidar Thomaz Bellucci, mas o tenista número 1 do País deve priorizar a chance de pontuar no ranking mundial. Assim, João Souza, o Feijão, aparece como favorito para completar o grupo.

Como a CBT ainda não confirmou as três tenistas que representarão o Brasil no México, as atletas mais bem ranqueadas sonham com a convocação. Vivian Segnini, 307ª da lista mundial, atualmente é a quarta melhor do País na WTA e também vive a expectativa por um chamado.

"No próximo ranking, eu vou ser a terceira melhor do Brasil por causa do meu resultado da semana passada [semifinal em Campos do Jordão]. Representar o País no Pan-americano é o sonho de qualquer tenista e eu gostaria muito de jogar em Guadalajara", afirmou Segnini.

Aos 28 anos, Maria Fernanda Alves ocupa o 485º posto no ranking mundial e é a sexta melhor representante do país na WTA. Apesar da queda na lista, ela também alimenta esperanças de jogar no México e lembra que participou do Pan de Santo Domingo-2003. "Às vezes, o ranking não significa tanto e a experiência sempre ajuda bastante", disse.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.