Publicidade
Publicidade - Super banner
Tênis
enhanced by Google
 

Aberto de Wimbledon terá premiação recorde em 2011

Campeões das chaves de simples masculina e feminina irão embolsar R$ 2,7 milhões, valor R$ 258 mil mais alto do que o pago em 2010

Pedro Taveira, iG São Paulo |

Getty Images
Serena Williams e Rafael Nadal posam com os troféus da edição 2010 do Aberto da Austrália
O Aberto de Wimbledon pagará US$ 1,7 milhão (R$ 2,7 mi) para seus campeões nas chaves de simples masculina e feminina na edição 2011. O anúncio foi feito nesta terça-feira pela organização do torneio. O valor, R$ 258 mil mais alto que no ano passado, é a maior quantia já paga na mais tradicional competição do circuito.

Presidente do All England Club, responsável pelo Aberto de Wimbledon, Philip Brook destaca no site oficial do torneio a importância da alta premiação. “Eventos esportivos de ponta como Wimbledon nada mais são do que a qualidade dos jogadores que se apresentam. É importante que ofereçamos prêmios que condigam com suas performances supremas em quadra”.

Ao todo, serão distribuídos R$ 23,8 milhões em prêmios. O acréscimo é de 6,4% em relação a 2010. No entanto, a competição que mais paga aos atletas continua sendo o Aberto da Austrália. Em janeiro deste ano, Novak Djokovic e Kim Cjlisters embolsaram R$ 3,48 mi cada por suas conquistas no primeiro Grand Slam do ano.

Chegando em 2011 a sua 125ª edição, o Aberto de Wimbledon começa no dia 20 de junho.

Leia tudo sobre: wimbledongrand slam

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG