Principal cabeça de chave do torneio, que está sendo realizado no Ginásio do Ibirapuera, sentiu uma contusão na coxa direita na final do ATP 250 de Quito (EQU), no último domingo

Uma contusão muscular na perna direita tirou o espanhol Feliciano Lopez do Brasil Open
Divulgação
Uma contusão muscular na perna direita tirou o espanhol Feliciano Lopez do Brasil Open

A chave principal do Brasil Open de tênis sofreu um desfalque antes mesmo de iniciar. A organização do torneio anunciou que o espanhol Feliciano Lopez, cabeça de chave nº 1 do torneio, não participará mais da competição, que começa nesta segunda-feira e vai até o próximo domingo no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo. Uma contusão muscular na coxa direita acabou sendo a causa da desistência do espanhol, 14º do ranking mundial.

Lopez sentiu a contusão no último domingo, quando disputava a final do ATP 250 de Quito (EQU), diante do dominicano Victor Estrella Burgos, que ficou com o título inédito após marcar 6/2 6/7(5) 7/6(5). O espanhol chegou a pedir atendimento médico durante a partida. 

O substituto de López será o italiano Luca Vanni, que veio do qualificatório. Por entrar na vaga do espanhol, Vanni já está automaticamente classificado para as oitavas de final, quando enfrentará o vencedor do duelo entre o argentino Juan Monaco e o holandês Thiemo de Bekker.

Brasileiros estreiam

Na abertura da chave principal do Brasil Open nesta terça-feira, três tenistas brasileiros estarão em quadra. João Souza, o Feijão, fará sua estreia diante do espanhol Pablo Carreno Busta, após às 14h30, dependendo do andamento das demais partidas na quadra principal do Ibirapuera.

Na sequência, também na quadra principal, o mineiro Marcelo Melo joga ao lado do austríaco Julian Knowle. A dupla enfrenta a parceria formada por Nicolas Almagro e o italiano Fábio Fognini. Por fim, no período da noite, Thomaz Bellucci encerra a programação do dia encarando o eslovaco Martin Klizan.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.