Bellucci desbanca gigante Isner e leva duelo com os EUA para o 5º jogo na Davis

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Tenista brasileiro venceu o gigante de 2,06m e deixou o Brasil vivo na disputa por vaga nas quartas da Copa Davis

Com raça e vibração, Thomaz Bellucci se redimiu da derrota para Querrey e desbancou John Isner, levando o duelo entre Brasil e EUA na Davis para o quinto e decisivo confronto. O brasileiro precisou de cinco sets para vencer o americano por 3 sets a 2, parciais de 2/6, 6/4, 6/7 (7-9), 6/4 e 6/3.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

Reuters
Bellucci venceu o gigante John Isner pela Copa Davis

Com a vitória de Bellucci, o Brasil empatou o confronto com os EUA pela Davis em 2 pontos a 2. Sam Querrey e Thiago Alves fazem o duelo que vai decidir o classificado para as quartas de final da competição. O vencedor encara a Sérvia, de Novak Djokovic.

"Vitória épica para a minha carreira. Foi muito importante. Ele está há muitos anos entre os melhores do mundo. Eu vi que ele estava cansado. Não muito bem fisicamente. No último game consegui fazer ele jogador todos os pontos e ele sentiu. Consegui me superar. Não vim de um bom jogo sexta-feira e consegui entrar bem concentrado e fazer meu jogo", disse Bellucci ao Sportv.

O jogo deste domingo começou agitado. Isner venceu o saque de Bellucci já no segundo game de partida e o brasileiro teve chance de devolver a quebra no game seguinte, mas uma decisão polêmica da arbitragem o impediu.

Bellucci ainda teve outras chances de quebrar o gigante norte-americano no primeiro set, mas, assim como contra Thiago Alves, Isner fez bom uso de seu potente saque nos momentos de dificuldade. Uma nova quebra no oitavo game deu ao tenista da casa a vitória na primeira parcial.

O tenista brasileiro iniciou bem o segundo set de partida e conseguiu a sonhada quebra já no terceiro game. Com a vantagem no placar, Bellucci seguiu jogando com segurança e venceu a parcial, empatando o confronto.

O terceiro set de partida teve a dinâmica da maioria dos jogos protagonizados por Isner no circuito profissional, sem quebras de serviço até o tie-break. No desempate, o dono da casa soube defender bem o set point do brasileiro e se recuperou para marcar 2 a 1 no duelo.

O quarto set do também foi bastante equilibrado, com Bellucci tentando prolongar os pontos para aproveitar a falta de ritmo e agravar a lesão de John Isner, que continuou baseando seu jogo no potente saque. A tática do brasileiro deu certo e ele levou a partida para a quinta e decisiva parcial.

No último set de jogo, Isner começou a sentir mais os efeitos do cansaço e da falta de ritmo e passou a cometer mais erros. Bellucci demorou, mas enfim conseguiu aproveitar a queda de ritmo do norte-americano no nono game, em que obteve a quebra. Com 5/3 e o saque na mão, o brasileiro não hesitou e garantiu a vitória.

Leia tudo sobre: copa davis 2013thomaz belluccijohn isner

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas