Apesar de considerar Kevin Anderson um forte adversário, brasileiro diz que vive bom momento e pode ir longe no torneio francês

Estreando nesta segunda diante do sul-africano Kevin Anderson, o brasileiro Thomaz Bellucci acredita que pode avançar de fase no Masters 1000 de Paris. Apesar de considerar Anderson um forte adversário, Bellucci garante que vive bom momento e pode ir longe no torneio francês.

Acha que Bellucci vai longe no Masters 1000 de Paris? Deixe seu comentário

"O Anderson é um bom sacador e especialista em quadra sintética. Será um jogo duro, mas venho fazendo bons jogos, principalmente nas duas últimas semanas, e espero ir bem aqui em Paris", afirma o tenista brasileiro melhor posicionado no ranking mundial da ATP.

O encontro desta segunda será o terceiro entre Bellucci e Anderson. No retrospecto geral, uma vitória para cada lado: enquanto Bellucci triunfou no Masters 1000 de Monte Carlo deste ano, o sul-africano venceu duelo no US Open, em 2010.

Bellucci participa do torneio francês pela terceira vez na carreia. Em 2010, parou na estreia diante de Philipp Kolschreiber. No ano passado, o brasileiro avançou à segunda fase, mas foi eliminado pelo russo Nikolay Davydenko.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.