Número 5 do mundo sofreu, mas venceu o croata Ivan Dodig e vai em busca do terceiro título no torneio

O principal favorito ao título do ATP de Valência vai tentar confirmar a sua condição na final da competição. Neste sábado, David Ferrer não teve vida fácil jogando contra o croata Ivan Dodig, entretanto o espanhol conseguiu mostrar um melhor tênis e fechou a partida após três sets, com parciais de 6/4, 6/7 (5-7) e 6/1, em duelo com 2h41min de duração. Assim, Ferrer vai brigar pelo título no domingo.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Ferrer vibra após vencer batalha contra Tipsarevic
AP
Ferrer vibra após vencer batalha contra Tipsarevic

Agora, na grande decisão, o número 5 do mundo vai medir forças com o ucraniano Alexandr Dolgopolov, que teve um jogo bem menos complicado na semifinal e derrotou o austríaco Jurgem Melzer por 2 sets a 0, aplicando 6/4 e 6/2.

Leia mais: Federer confirma favoritismo e faz sétima final seguida na Basileia

Para avançar à partida decisiva em Valência, David Ferrer contou com um bom aproveitamento de saques quando teve o serviço, ganhando 75% deles no duelo. Além disso, o espanhol conseguiu quatro quebras de saque, o que acabou fazendo a diferença no resultado final.

Veja ainda: Sharapova bate Azarenka em Istambul e faz revanche de Londres contra Serena

Ferrer chega à sua sétima final na temporada e tenta o seu terceiro título em Valência, tendo sido campeão em 2008 e 2010. Já Dolgopolov, atual número 21 da ATP, chegou a três decisões em 2012, tendo sido campeão somente do ATP 500 de Washington.

David Ferrer e Alexandr Dolgopolov já se enfrentaram em cinco oportunidades no circuito, com somente um triunfo a favor do representante da Ucrânia, em Nice, no ano passado. Em 2012, o ucraniano superou só um tenista do top 10 do tênis mundial, e esse foi o francês Jo-Wilfried Tsonga.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.