Depois de vencer no simples, brasileiro jogou ao lado do compatriota Marcelo Demoliner e perdeu a final de duplas no Equador

Em sua segunda partida neste domingo, o brasileiro João Souza venceu o francês Guillaume Rufin por 2 sets a 0 na final do Challenger de Quito e conquistou o título do torneio de simples, com parciais de 6/2 e 7/6.

Deixe seu recado e comente com outros leitores

Pela manhã, Feijão já havia vencido o chileno Nicolás Massú, pela semifinal. A partida, que havia começado no sábado, precisou ser decidida neste domingo por causa das chuvas que atingiram a capital equatoriana.

Com o título do torneio de simples do Challenger equatoriano, e após duas partidas, o brasileiro continuou a maratona de jogos na final de duplas.

Ao lado do compatriota Marcelo Demoliner, Feijão fez a terceira partida do dia contra os colombianos Carlos Salamanca e Juan Sebastian Cabal. Após uma hora e 20 minutos de partida, caiu em dois sets, com dois tie-breaks: 7/6 (9-7) e 7/6 (7-4).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.