Com pneu, Bellucci é eliminado também nas duplas no Masters de Xangai

Brasileiro jogava ao lado do australiano Bernard Tomic, mas perdeu para Butorax e Petzschner (EUA e ALE) e está fora das duplas e do simples no torneio

Gazeta |

Reuters
Thomaz Bellucci caiu na estreia na chave de simples e nas duplas em Xangai

Após ser derrotado pelo eslovaco Martin Klizan na disputa individual do Masters 1000 de Xangai , o brasileiro Thomaz Bellucci está eliminado também da competição por duplas em território asiático. Nesta segunda-feira, o tenista nacional atuou ao lado do australiano Bernard Tomic e acabou derrotado em sets diretos, com parciais de 6/1 e 6/0, em trinta e sete minutos, pela parceira entre o norte-americano Eric Butorac e o alemão Philipp Petzschner, na primeira fase.

Deixe seu recado e comente com outros leitores

Com este resultado, Butorac e Petzschner garantiram vaga na sequência do torneio, onde medem forças com os primeiros colocados do ranking de duplas da Associação dos Tenistas Profissionais (ATP), os irmãos Bob e Mike Bryan, que não entraram em quadra na primeira rodada.

Leia mais: Bellucci não passa da estreia contra Klizan em Xangai

Apesar da eliminação de Bellucci, o Brasil ainda conta com outros dois atletas na disputa por duplas. Ao lado do croata Marin Cilic, Marcelo Melo enfrenta o argentino Carlos Berlocq e o italiano Andreas Seppi por uma vaga na fase seguinte. Bruno Soares, atuando com o austríaco Alexander Peya, não disputa a rodada inicial.

Outras duplas classificadas de maneira direta para a sequência do torneio são: Mariusz Fyrstenberg e Marcin Matkowski, Radek Stepanek e Leander Paes, Aisam-Ul-Haq Qureshi e Jean-Julien Rojer, Robert Lindstedt e Rohan Bopanna, Daniel Nestor e Max Mirnyi.

Já Thomaz Bellucci deixa a Ásia na próxima quinta-feira e segue para a Rússia, onde disputa o ATP 250 de Moscou (15/10). Depois segue para o ATP 250 de Basel (22/10) e o ATP Masters 1000 de Paris (29/10).

Para receber as notícias de Esportes envie igesportes para 49810 . 10 dias sem custos * * Após este período, custo de R$ 0,31 + imp. por mensagem recebida.

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG