É a terceira vez que os brasileiros se enfrentam no ano, todas com triunfos de Soares

No confronto entre brasileiros na chave de duplas do ATP 250 de Kuala Lumpur, na Malásia, melhor para Bruno Soares. O último tenista nacional a ganhar um troféu de Grand Slam atuou ao lado do austríaco Alexander Peya para bater o compatriota Marcelo Melo, seu parceiro na Copa Davis, que fez parceria com o italiano Daniele Bracciali. O triunfo leva Soares e Peya à final da competição.

Bruno Soares e Alexander Peya
Divulgação/ATP
Bruno Soares e Alexander Peya

É a terceira vez que os brasileiros se enfrentam no ano, todas com triunfos de Soares. Ainda atuando ao lado do norte-americano Eric Butorac, Bruno derrotou Marcelo e o tcheco Lukas Dlouhy na primeira rodada do ATP 250 de Auckland, e a parceria nacional formada por Melo e Thomaz Bellucci nas quartas de final do ATP 250 do Brasil.

Terceira dupla favorita ao título, Bruno e Peya encontraram dificuldades no primeiro set, fechado apenas no tie-break, após nenhuma dupla conseguir a quebra. Na parcial seguinte, porém, os cabeças de chave número três passaram a se impor, conseguiram duas quebras e atropelaram os rivais por 6/1, assegurando a classificação à final do torneio após 1h24 de partida.

A dupla encara na briga pelo título os britânicos Colin Fleming e Ross Hutchins, em partida programada para as 3h15 (de Brasília) deste domingo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.