Publicidade
Publicidade - Super banner
Tênis
enhanced by Google

Em duelo de campeões, Del Potro vence Roddick e aposenta o americano

Tenista argentino levou a melhor sobre o americano e avançou às quartas no Aberto dos Estados Unidos

iG São Paulo | - Atualizada às

AP
Roddick foi derrotado por Del Potro no Aberto dos EUA e deu adeus ao tênis

Após a aposentadoria da belga Kim Clijsters no Aberto dos Estados Unidos, agora foi a vez de Andy Roddick se despedir das quadras. Nesta quarta, o americano, campeão em casa em 2003, foi derrotado pelo argentino Juan Martin Del Potro, que triunfou em 2009, por 3 sets a 1, parciais de 6/7, 7/6, 6/2 e 6/4, e conforme anunciado anteriormente, se aposentou do tênis.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

Nas quartas de final, o argentino enfrentará o sérvio Novak Djokovic, tenista número 2 do mundo, que passou pelo suíço Stanislas Wawrinka nesta quarta, após a desistência de seu oponente no terceiro set.

Leia mais:  Wawrinka desiste e Djokovic chega às quartas de final no Aberto dos EUA

“Pela primeira vez na carreira, não sei o que falar. Desde criança, acompanhava o Aberto dos EUA e via os campeões que passavam por aqui. Em alguns momentos, foi fácil ter o apoio de vocês, em outros nem tanto. Voltarei a este lugar algum dia pra vê-los de novo”, disse, chorando, e com o público o aplaudindo de pé.

A partida entre os campeões do Aberto dos EUA foi bastante equilibrada nos dois primeiros sets, que só terminaram no tie-break. Roddick levou a melhor na primeira parcial e Del Potro igualou no segundo set. O argentino dominou as outras parciais e venceu sem dificuldades, levando o americano e sua esposa as lágrimas em Nova York.

Confira ainda:  Sharapova vence Bartoli em jogo de "dois dias" e pega Azarenka nas semis nos EUA

Andy Roddick dá adeus ao tênis no mesmo palco em que chegou a sua grande glória da carreira, a principal quadra do Aberto dos Estados Unidos, a Arthur Ashe, onde triunfou em 2003, para delírio da torcida americana. Foi o único título de Grand Slam da carreira do tenista de 30 anos, que nesse mesmo ano assumiu a liderança do ranking da ATP.

O tenista, atual número 22 do mundo, ganhou trinta títulos de simples na carreira e quatro em duplas. Além disso, Roddick acumulou nada menos do que 20 milhões de dólares, cerca de R$ 40,6 mi, em 12 anos jogando no circuito profissional.

AP
Del Potro colocou fim à carreira de Roddick e avançou no Aberto dos EUA


Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG