Publicidade
Publicidade - Super banner
Tênis
enhanced by Google

Treinador evita dar previsão de retorno de Rafael Nadal às quadras

Tenista espanhol não disputou as Olimpíadas e está fora do Aberto dos EUA por causa de uma tendinite no joelho esquerdo

Agência Estado |

Agência Estado

EFE
Nadal está fora do Aberto dos EUA

Tio e treinador de Rafael Nadal , Toni Nadal evitou dar previsão de retorno para seu pupilo. Número 3 do mundo, o tenista espanhol está afastado das quadras desde o final de junho, por causa de uma tendinite no joelho esquerdo, e anunciou na quarta-feira que não irá disputar o Aberto dos EUA.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Em entrevista para rádios espanholas, Toni Nadal revelou que o tenista só voltará a jogar quando estiver 100%. "Essa parada servirá para que ele volte ainda com mais força. Tem que fazer uma recuperação completa para os próximos torneios", disse o treinador, que também garantiu que a carreira do astros de 26 anos não corre perigo. "Queremos que a carreira dele seja a mais longa possível."

Veja também:  No Twitter, Nadal confirma que não vai disputar o Aberto dos EUA

Nadal não entra em quadra desde que perdeu para o checo Lukas Rosol ainda na segunda rodada de Wimbledon, no dia 28 de junho. Depois disso, desistiu da disputa da Olimpíada de Londres, dos torneios de Toronto e Cincinnati e agora do Aberto dos EUA. A ausência dele no último Grand Slam da temporada foi lamentada pelos seus principais rivais, como o suíço Roger Federer e o sérvio Novak Djokovic.

Leia mais sobre tênis no blog do Paulo Cleto

Dono de 11 títulos em Grand Slam, Nadal esteve nas duas últimas finais do Aberto dos EUA, ganhando em 2010 e perdendo para Djokovic em 2011. Agora, como não poderá defender os pontos conquistados, ele deverá ser ultrapassado pelo escocês Andy Murray no ranking mundial. A esperança, porém, é de que possa voltar a jogar nas semifinais da Copa Davis, de 14 a 16 de setembro, quando a Espanha encara os Estados Unidos.

Leia tudo sobre: Rafael NadalAberto dos EUA

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG