Publicidade
Publicidade - Super banner
Tênis
enhanced by Google
 

Azarenka dá resposta polêmica após derrota e pensa em pausa na carreira

Líder do ranking WTA, tenista disse que precisa descansar depois da eliminação em Roland Garros

EFE |

AP
Tenista bielorussa se irritou com a derrota

A bielorussa Victoria Azarenka caiu neste domingo nas oitavas de final de Roland Garros diante da eslovaca Dominika Cibulkova por 2 sets a 0 e não escondeu a decepção pela derrota, dando uma declaração polêmica durante a entrevista coletiva após a partida: "vou me matar".

Deixe sua mensagem e comente a notícia com outros torcedores

A frase foi uma resposta a pergunta feita por um jornalista sobre o que faria depois da partida. A derrota com parciais de 6-2 e 7-6 acabou sendo um balde de água para a número 1 do ranking mundial. Com mais calma, a bielorussa explicou que pretende se afastar temporariamente do esporte. "Nos últimos cinco meses me dediquei demais ao tênis e preciso descansar".

Azarenka ainda comentou que não pensa em jogar nenhum torneio até a disputa do terceiro Grand Slam da temporada, em Wimbledon, que começa no fim de junho. Contudo, a tenista deixou escapar que a provável pausa pode ser ainda maior. "Preciso descansar mentalmente. Quando voltar minha paixão, meu desejo, voltarei."

Leia mais: Líder no ranking da WTA, Azarenka é eliminada de Roland Garros

Com apenas uma vitória em oito duelos anteriores contra a líder do ranking da WTA, Cibulkova precisou de uma hora e 47 minutos para vencer a partida. E com a vitória, a eslovaca, 16ª no ranking, manteve a maldição que assombra as atletas que já estiveram no topo do tênis feminino nesta edição do torneio. Alheia a isso, Cibulkova enfrentará agora a vencedora do duelo entre a americana Sloana Stephens e a australiana Samantha Stosur.

Leia tudo sobre: tênisroland garrosazarenkawta

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG