iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Tênis

15/02 - 14:31

Federer diz ter mais ambição do que Nadal

"Rafa não parece ligar muito para o posto de número 1, ou não mostra isso", afirmou o atual líder do ranking da ATP

Reuters

O tenista número 1 do mundo, Roger Federer, acredita que tem mais ambição do que o rival Rafael Nadal e fará da manutenção da primeira posição do ranking seu principal objetivo.

As discussões sobre o tenista de 28 anos repetir o feito de Rod Laver conquistando os quatro títulos do Grand Slam neste ano ficaram mais fortes depois de ele conquistar o 16º título de Grand Slam no mês passado, o Aberto da Austrália.

"Vou tentar, com certeza", disse Federer em entrevista à Reuters. "Mas não está nem em primeiro lugar na minha lista de coisas a fazer. Só vou tentar defender minha posição de número 1".

Federer disse que Nadal, que tem sofrido com lesões no joelho, será sua maior ameaça neste ano, mas que o espanhol não tem a ambição de ser o número 1.

"A primeira vez em que me tornei número 1 do mundo foi há seis anos e foi um momento mágico na minha carreira", disse Federer. "Foi bastante especial e sempre quis voltar lá".

"Algumas pessoas têm essa ambição mais do que outras que foram número 1. Rafa não parece ligar muito para o posto de número 1, ou não mostra isso".

Apesar de questionar a motivação de Nadal, o suíço ainda o considera sua maior ameaça. Uma lesão impediu a participação do número 3 do mundo no Aberto da Austrália.

"Ele teve um bom início de temporada", disse Federer. "O que ele está passando é bastante parecido com o que passei no ano passado. Estou convencido de que ele voltará em breve".

Os outros jogadores que podem ameaçá-lo são Novak Djokovic, Andy Murray, Juan Martin Del Potro e Nikolay Davydenko, de acordo com Federer.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias