iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Tênis

21/01 - 10:19

Djokovic acompanha Federer e nega favoritismo de Murray
"É lisonjeador quando as pessoas falam que sou candidato ao topo do tênis mundial", disse Djokovic

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - Entre os principais tenistas do planeta, não é apenas Roger Federer quem acha precipitado considerar Andy Murray como favorito ao título do Aberto da Austrália. Número quatro do ranking de entradas e em grande ascensão na carreira, o escocês também viu seu nome ser colocado em dúvida por Novak Djokovic.

Irritado por Murray ter sido apontado, de acordo com a maioria das casas de apostas, como maior candidato à taça do primeiro Grand Slam do ano, Federer havia apontado na última semana que o jovem de 21 anos não pode ter esses status, argumentando que um major é um “outro animal” na comparação com os outros torneios que formam o calendário da ATP.

Nesta quarta-feira, quem aproveitou para negar o favoritismo do escocês foi Djokovic, que comentou o assunto após aplicar 3 sets a 0 sobre Jeremy Chardy e se classificar à terceira rodada do evento: “Ele (Murray) fez muito nos últimos meses, é um jogador muito talentoso, e podemos esperar que ganhe alguns Grand Slams no futuro. Porém, não se pode colocá-lo como favorito ao lado de Roger, Rafa (Nadal) e eu aqui no Australian Open”.

Embora tenha chegado a Melbourne em baixa, já que caiu nas semifinais do Torneio de Sydney e na estreia em Brisbane nas últimas duas semanas, o quarto colocado do ranking masculino agora mostra confiança, ressaltando que evolui dia após dia. “Estou apenas prestando atenção nos meus jogos. Acho que passo a atuar melhor a cada partida, e isso é realmente importante. É algo que eu planejava fazer”.

“É lisonjeador quando as pessoas falam que sou candidato ao topo do tênis mundial”, continuou Djokovic, que é o atual campeão do Aberto da Austrália. “Por outro lado, você tem mais expectativas e certas pressões quando exerce esse papel. De qualquer forma, se eu mantiver um alto nível de desempenho, posso ir longe na competição”.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias